5 sinais de que seu pássaro está feliz

Compreender a linguagem corporal dos pássaros é complexo, uma vez que estamos mais distantes geneticamente deles do que do resto dos mamíferos que nos cercam como animais de estimação. Ainda assim, você pode dizer quando eles estão felizes.
5 sinais de que seu pássaro está feliz

Última atualização: 09 Outubro, 2021

Compreender as aves domésticas é uma odisseia para todo tutor de primeira viagem. Esses animais não têm a musculatura facial voluntária que os mamíferos apresentam e, portanto, seus estados emocionais transmitidos através de sinais são muito mais enigmáticos para nós do que os de um gato ou cachorro, por exemplo. Você quer conhecer 5 sinais de que seu pássaro está feliz?

Quando um mamífero mostra os dentes, sabemos que ele vai atacar, enquanto um arrepio dos pelos do corpo (piloereção) costuma ser um sinal de medo e surpresa. Como os pássaros mostram essas emoções universais no reino animal? Eles podem sentir alegria e felicidade como um macaco, um cachorro ou um gato? Aqui nós vamos responder a essas perguntas e muito mais.

Sinais de que seu pássaro está feliz

Embora muitos tutores possam não estar cientes disso, quase todas as aves domésticas são excepcionalmente inteligentes. Os psitacídeos (papagaios, araras, periquitos, maritacas e cacatuas) se destacam nessa área, pois são capazes de se reconhecer, resolver problemas, desenvolver padrões de linguagem e formar relações sociais muito poderosas, entre outras coisas.

Aqui apresentamos 5 sinais de que seu pássaro está feliz. Claro, vamos nos focar apenas nas espécies domésticas mais comuns nos lares: o canário (Serinus canaria domestica), o periquito (Melopsittacus undulatus) e alguns psitacídeos, como papagaios e calopsitas em geral. Não perca!

1. O pássaro canta

Embora as aves psitacídeas emitam uma ampla gama de vocalizações, os reis do canto na esfera doméstica são os canários (pertencentes à ordem dos Passeriformes). Os machos cantam a maior parte do ano e esse comportamento é modulado pelos circuitos hormonais, mas quando adoecem ou caem em depressão param de cantar.

No caso dos canários, o canto é o primeiro sinal de que o animal está feliz e à vontade. De qualquer forma, essas aves costumam parar de emitir sons por alguns meses no verão, pois nessa época elas trocam de penas e precisam investir sua energia nesse processo.

Um dos pássaros que cantam melhor.

2. Encontre sua companhia

Enquanto canários e outros passeriformes domésticos não demonstram apego aos seus tutores, os papagaios gostam de socializar com humanos. É normal que papagaios e calopsitas subam na cabeça de seu tutor, aninhem-se em seu pescoço, encostem em suas mãos ou carreguem objetos para chamar a atenção.

Devido à necessidade de socialização, recomenda-se manter os periquitos e outros pequenos papagaios com um companheiro na gaiola. Como no caso de grandes papagaios e cacatuas isso não é possível, deve-se ter um cuidado especial para que o animal não caia em depressão e comece a se machucar. Por isso, o tutor deve assumir o papel de companheiro vital e não deixar que seu pássaro se sinta sozinho.

Outro sinal de um pássaro feliz é que ele procura seu tutor.

3. Faz sua higiene

Mais do que um sinal de que seu pássaro está feliz, a catação é um sinal de ausência de estresse e segurança no meio ambiente. As aves possuem uma estrutura conhecida como glândula uropigial próxima à base da cauda, cuja função é secretar substâncias oleosas que impermeabilizam e reparam a estrutura das penas.

Se o seu pássaro se sentir confortável, você verá como mais cedo ou mais tarde ele começará a levar o bico às costas para espalhar o fluido produzido pela glândula em suas penas. A catação deixa a ave exposta aos predadores. Portanto, se ela fizer isso, é normal presumir que está se sentindo relaxada e confiante em seu ambiente.

4. Imitação de palavras

Como você pode imaginar, esse comportamento é reservado a papagaios, periquitos e calopsitas, já que canários e outros passeriformes são incapazes de imitar sons da natureza humana. Não se trata apenas de uma questão de inteligência, mas da disposição da siringe e de outras limitações fisiológicas.

Seja como for, um papagaio ou periquito feliz e estimulado passará parte de seu tempo aprendendo palavras e imitando-as para se divertir. Isso é um sinal de que ele está mental e fisicamente saudável, mas sua ausência não deve ser um sinal de preocupação para o tutor. O animal pode ter ficado entediado com o processo de aprendizagem e precisa de outros tipos de brincadeiras.

5. Coloca ovos

As fêmeas de muitas espécies de pássaros põem ovos independentemente de serem fertilizados ou não. Isso é um sinal de que seu pássaro está feliz e confortável, mas você também não deve encorajar esse comportamento. Cada oviposição é um processo muito exigente para uma ave e envolve um gasto de cálcio e nutrientes, por isso é melhor levar a fêmea ao veterinário se você não quiser que procrie a fim de discutir maneiras de evitar essa situação.

Às vezes, os ovos podem ficar presos na cloaca e matar a mãe. Esse cenário deve ser evitado.

Sinais de que um pássaro está infeliz

Dissemos a vocês os sinais de felicidade em um pássaro, mas também existem muitos outros que indicam descontentamento e doença. Alguns dos mais importantes são os seguintes:

  • Afofamento constante das penas: os pássaros afofam as penas de vez em quando para termorregular e se limpar. Em qualquer caso, se esse comportamento for constante, deve-se suspeitar de uma doença subjacente.
  • Interrupção do canto: especialmente em canários, a interrupção do canto dos machos fora da estação da troca de penas quase sempre responde a estresse ou doença física.
  • Queda de penas no corpo: psitacídeos deprimidos ou estressados tendem a se ferir, arrancando as penas do tronco. Se você notar que seu papagaio ou periquito está com as penas da cabeça intactas (pois não as alcança), mas não no resto do corpo, é provável que ele esteja com um problema de comportamento.
  • Estertores e tosses: pássaros doentes geralmente emitem tons estranhos ao tentar limpar seu sistema respiratório. Assemelham-se a uma tosse ou sons de sufocamento em humanos.

Esses sintomas indicam não apenas descontentamento em seu pássaro, mas uma doença psicológica ou física latente. Todos esses casos merecem uma consulta urgente ao veterinário.

Siga isso

Como você pode ver, um pássaro mostra muitos sinais específicos quando está feliz e relaxado. Aprender a ler sua linguagem corporal é uma necessidade, porque embora não a expressem como nós, os pássaros têm sentimentos e processos mentais complexos que devemos respeitar. É nossa obrigação como tutores manter o animal de estimação feliz até o fim de seus dias.

Pode interessar a você...
Pássaros de casa que mais cantam
Meus Animais
Leia em Meus Animais
Pássaros de casa que mais cantam

Se você tem vontade de adotar uma ave bela e ativa para alegrar seu lar, recomendamos que você conheça algumas espécies. Os pássaros de casa que ma...



  • Frankl-Vilches, C., Kuhl, H., Werber, M., Klages, S., Kerick, M., Bakker, A., … & Gahr, M. (2015). Using the canary genome to decipher the evolution of hormone-sensitive gene regulation in seasonal singing birds. Genome Biology, 16(1), 1-25.
  • Eberhard, J. R. (1998). Breeding biology of the Monk Parakeet. The Wilson Bulletin, 463-473.
  • Dooling, R. J., & Saunders, J. C. (1975). Hearing in the parakeet (Melopsittacus undulatus): absolute thresholds, critical ratios, frequency difference limens, and vocalizations. Journal of Comparative and Physiological Psychology, 88(1), 1.