Comedouros para gatos: tipos e recomendações

Os comedouros para gatos são um elemento essencial para a saúde do seu felino e para a sua paz de espírito. Aprenda aqui qual é a melhor opção para vocês dois.
Comedouros para gatos: tipos e recomendações

Última atualização: 28 Março, 2021

Os comedouros para gatos variam em formatos, cores e funções. A tigela de comida pode parecer algo básico que não tem nada de especial além de sua função de recipiente, mas você verá a seguir que não é bem assim.

Nas linhas a seguir, você poderá verificar que o tipo de comedouro pode ajudar muito a melhorar a qualidade de vida do seu gato e da sua própria vida. Para saber qual modelo escolher e em quais características prestar atenção, vamos mostrar aqui os diferentes tipos de comedouros e as vantagens de cada um deles.

Comedouros para gatos: tipos e recomendações

Os gatos têm necessidades diferentes dependendo da raça, da condição médica e até mesmo da personalidade do animal. Portanto, considerar uma série de aspectos antes de comprar qualquer tipo de comedouro:

  • Bordas: devem ser lisas e arredondadas, para evitar lesões e acidentes. Além disso, não podem ser muito altas, para que o gato possa comer confortavelmente. Por outro lado, é altamente recomendável que todos os modelos adquiridos tenham bordas que impeçam o recipiente de tombar.
  • Antideslizante: é um elemento muito importante, pois evita que o comedouro se mova enquanto o gato se alimenta. Isso evita acidentes e, além disso, é um tipo de comedouro mais confortável e não emite ruídos incômodos, como o arrastar de metal no chão.
  • Tamanho: o comedouro deve ser adaptado ao tamanho e à idade do gato, para que o animal possa se alimentar confortavelmente.

Como você pode ver, há uma grande variedade de modelos de recipientes com base nas necessidades do felino. Dito isso, aqui estão os tipos mais populares de comedouros para gatos. Fique de olho!

As tigelas para gatos são muito diferentes.

Comedouros clássicos

Esse é o comedouro mais simples, a tigela de sempre. São modelos comercializados em diversos formatos e cores, para que você possa escolher o que melhor se adapta ao seu gato.

Os materiais também variam de acordo com o gosto pessoal: você pode encontrar comedouros de plástico, aço ou cerâmica. O ideal, como dissemos nas linhas anteriores, é que tenham uma base antiderrapante e sejam feitos de materiais adequados e resistentes.

Dispensers

Esses comedouros permitem que uma grande quantidade de alimento seja colocada de uma vez, mas o libera aos poucos. Esses modelos servem para que o gato coma sem ter acesso à maior parte da quantidade. São muito úteis se o gato os aceitar: poupam tempo e permitem medir a quantidade de comida com facilidade. Se o animal puder ter comida ad libitum, um dispensador será muito conveniente.

Existem comedouros tipo funil, que deixam a comida à disposição do gato, e dispensers inteligentes, que podem ser programados – até mesmo pelo celular – para liberar determinada quantidade de ração em horários específicos.

Como você pode ver, esses comedouros são úteis para quando passamos muito tempo fora de casa, mas não são adequados para gatos que se alimentam vorazmente, comem demais ou têm problemas de obesidade.

Comedouros interativos

Esses tipos de comedouros são ideais para gatos que comem muito rápido, já que o felino vai obter a comida aos poucos, desafiado pelo formato do recipiente. Além disso, tem o adicional de funcionar como um enriquecimento mental, como parte de uma rotina de exercícios físicos e poder estender o tempo de alimentação.

Existem muitos modelos que variam em forma e dificuldade de resolução. Esses comedouros são ideais para gatos vorazes que precisam se exercitar ou desenvolver comportamentos naturais de busca de alimentos.

Comedouros elevados para gatos

Alguns gatos que têm problemas de mobilidade ou distúrbios digestivos precisam que seu comedouro fique em uma posição mais alta, para que eles não tenham que abaixar tanto a cabeça. O comedouro pode ser elevado ao ser colocado em um pedestal ou degrau, mas também existem opções comerciais que muitas vezes apresentam a vantagem de uma maior ergonomia.

Também existem muitas ideias na internet para fazer esse tipo de comedouro em casa.

Comedouros antivoracidade

Alguns gatos sofrem de ansiedade quando o assunto é comer, como espécimes resgatados de colônias de rua, que muitas vezes precisam competir por comida. Comer com voracidade costuma causar problemas digestivos e comportamentais: é aconselhável corrigir ou, pelo menos, controlar a questão.

Para isso, os comedouros antivoracidade costumam ter relevo no fundo, de forma que o felino não consegue pegar grandes quantidades com a boca – ou tem dificuldade para chegar ao final do recipiente. Graças a esse mecanismo, o gato é forçado a comer lentamente.

Esse tipo de comedouro também tem uma certa função de forçar o animal a exibir suas habilidades motoras para obter o alimento, o que serve como enriquecimento mental e fisiológico.

Um gato com uma tigela olhando para o horizonte.

Conclusões sobre os comedouros para gatos

Cada gato é diferente e quem vive com um sabe que seus gostos e desejos podem ser peculiares, para dizer o mínimo. Para escolher o melhor comedouro para seu animal de estimação, é necessário que você o conheça bem e tenha a orientação de um profissional, principalmente se o animal sofrer de alguma condição relacionada à alimentação.

Ao discutir as opções disponíveis com um etólogo ou veterinário, você e seu felino terão a tranquilidade de saber que a dieta do animal é o mais benéfica possível para sua saúde.

Pode interessar a você...
Alimentos para gatos: conheça sete opções especiais
Meus Animais
Leia em Meus Animais
Alimentos para gatos: conheça sete opções especiais

Seu gato deve ter uma alimentação equilibrada, composta quase que totalmente de proteína animal (carnes). Mas de vez em quando você pode oferecer-l...