Como limpar os ouvidos de um cão: dicas importantes!

· agosto 18, 2018
A higiene das orelhas dos cães é fundamental por causa da facilidade com que elas se sujam. Afinal, a sujeira nos ouvidos pode gerar infecções.

É uma das partes mais sensíveis de um animal e, ao mesmo tempo, a mais fácil de se sujar. Além disso, esta região pode desenvolver infecções com facilidade! Portanto, é essencial aprender a limpar os ouvidos de um cão e evitar o surgimento de odor, vermelhidão e bactérias. Descubra como realizar a limpeza neste artigo.

Quando limpar os ouvidos de um cão?

Geralmente, as pessoas se esquecem da importância da higiene desta parte do corpo do animal de estimação. Afinal, muitos se concentram apenas nos pelos, nas pernas, ou até mesmo na boca. No entanto, limpar os ouvidos de um cão é muito importante, pois é uma área muito sensível e vulnerável a infecções.

Recomenda-se verificar as orelhas do animal uma vez por semana ou, pelo menos, duas vezes por mês. A periodicidade dependerá da forma e tamanho das orelhas (um cocker spaniel e um doberman têm necessidades diferentes).

Algumas raças são mais propensas a infecções de ouvido por razões anatômicas, como é o caso do basset hound, cujas orelhas são caídas.

Também devemos limpar os ouvidos de um cão se ele tiver se molhado na água da chuva ou tiver entrado no mar ou na piscina. Outros fatores externos a considerar são as atividades que ela faz e os lugares que visita. Por exemplo, se o animal foi a praia, se brincou no parque ou na lama.

Veterinária examinando orelhas de um cachorro

Dicas para limpar as orelhas de um cão

Para evitar infecção, acúmulo de germes e bactérias, recomenda-se limpar as orelhas de um cão, pelo menos, uma vez por mês. Podemos aproveitar o tempo do banho, desde que, ao terminar, sequemos bem a área. Preste atenção a estas dicas:

1. Examine os ouvidos do cachorro

Coloque-se na altura do animal e levante os ouvidos dele. Verifique se há apenas cerume ou sujeira, como poeira ou areia. Nesse caso, você mesmo pode limpar os ouvidos do animal.

No entanto, quando você perceber a drenagem de líquido, a área estiver muito vermelha, com uma cera marrom, cinza ou amarelada espessa e até mesmo sangue, leve-o imediatamente ao veterinário. O mesmo deve ser feito se houver um forte odor nos ouvidos, pois pode indicar infecção.

2. Procure por carrapatos ou corpos estranhos

Nos seus ouvidos, o cão pode abrigar organismos diferentes… Eles são o lugar escolhido pelos carrapatos! Especialmente se seu animal de estimação frequenta áreas com grama ou sujeira, é mais provável que um corpo estranho se aloje em seus ouvidos.

Se ele tiver carrapatos, umedeça uma bola de algodão com álcool e pressione o parasita. Segure por alguns segundos até que se desprenda da pele. Se você tentar retirá-lo à força, machucará seu cão.

Higiene nas orelhas dos cães

3. Compre uma solução especial

Em lojas de animais, estão à venda produtos específicos para limpar as orelhas do seu cão. Muitos usam álcool, mas isso só é recomendado para a parte externa, para as orelhas. Para o interior, é melhor uma solução que não gere efeitos adversos.

4. Use uma bola de algodão

Faça uma bola com um pouco de algodão e umedeça com a solução de limpeza. Insira com cuidado no ouvido do cão. Tenha em mente que a limpeza deve ser superficial, evitando que o algodão fique alojado no tímpano.

Remova toda a sujeira e detritos que você perceber. Talvez você precise repetir a operação várias vezes até eliminá-los completamente. Lembre-se de ser muito delicado para não causar uma ferida na pele do animal e, acima de tudo, para que ele fique o mais imóvel possível.

5. Umedeça os ouvidos

Usando a mesma solução acima, e se o veterinário aconselhar, você pode umedecer as orelhas e remover a cera e a sujeira acumuladas no canal auditivo. É fácil: coloque a ponta do frasco no ouvido e pressione para liberar o líquido. Massageie com cuidado e vire a cabeça do cão para que a água saia misturada com cera e outros elementos.

Finalmente, recomendamos que você limpe os ouvidos do cão quando terminar o banho. A primeira reação do animal será balançar a cabeça para os dois lados. Não se preocupe, é normal.