É possível mudar o nome do meu cachorro?

· maio 22, 2017

Se você acredita que batizou seu cãozinho de estimação de uma forma inadequada, considera que o nome está muito comprido ou você não gosta do nome que os anteriores donos deram, é bom saber que existe a possibilidade de mudar esse nome. Neste artigo, contaremos como.

O nome do cão não é tão fundamental

Diferentemente do que acontece com os seres humanos, para os cães e gatos, o nome não é um direito fundamental. Para eles, a forma de se comunicar e se apresentar é através de seu odor pessoal. Mas nunca pela palavra que está escrita na chapa identificadora da coleira.

Um cão não esta ligado a sua identidade ou a um nome, e tampouco o questiona. Para um cão, trata-se de uma palavra relacionada a uma ordem (similar a quando dizemos “vem aqui” ou “não faça isso”). Você pode fazer um teste e chamá-lo de outra forma com o mesmo tom, e verá que a reação é a mesma.

Portanto, a mudança de nome do cachorro será como um novo aprendizado para ele. Já que, em muitos casos, usa-se o nome como uma maneira de disputar a atenção do animal, e ele o associa com algo negativo. Por isso, pode ser que você o chame mil vezes no parque e cada vez mais ele se distancie de você.

Inclusive, no caso de animais que tenham sido abandonados ou maltratados no passado, os veterinários recomendam mudar o nome anterior. Assim, podem alterar em sua mente essa relação nome-castigo.

Às vezes, também é bom dizer o nome de outra maneira, como uma forma de evitar problemas ou ideias negativas. Por exemplo, se adotamos um animal cujo nome é igual ao de nosso parceiro ou amigo, se parece inadequado para nós, nos dá vergonha, é embaraçoso ou não se adapta ao nosso estilo de vida (uma pessoa muito religiosa tendo um cão chamado Satanás poderia ser algo negativo), então, é melhor alterar.

Como mudar o nome do meu cão adotado

É mais comum que alguém deseje mudar o nome de seu animal de estimação, se o nome não foi escolhido por ela mesma. Assim acontece com os animais adotados ou resgatados. Essa palavra pela qual supostamente ele era definido não tem por que cair no seu gosto. E está no seu direito mudar.

A boa notícia é que, inclusive, será algo benéfico para o animal. Ele deixará de lado a associação de seu nome com um passado de sofrimento.

Para que o cão aceite a mudança, é importante levar em conta certas questões que facilitarão o processo (que pode levar mais ou menos tempo, conforme o caso). Por exemplo, é necessário conhecer alguns fatores que podem influir para o bem ou para o mal nesta modificação.

Se o animal é muito idoso ou ele foi “batizado” há muitos anos, seguramente pode levar meses para que entenda que agora você o chama de outra maneira. Igualmente, nunca é tarde para que possa aprender seu novo nome e o reconheça como seu.

Do contrário, se foi maltratado, no futuro será uma maravilha que agora o chame de outra maneira e que a palavra que ele associava a golpes ou gritos não seja dita nunca mais. Preste atenção a estes passos para batizar seu animal de outra maneira:

1. Escolha bem o nome

Não é desculpa que cansemos do nome escolhido e se queremos mudar a todo momento, porque, nessas mudanças, o animal pode sofrer. Deixe sua imaginação voar e lembre-se que são melhores os nomes curtos e simples de entender.

2. De prêmios

Quando o chamar por seu novo nome e ele atender, você pode dar a ele uma guloseima ou algo que saiba que ele goste muito. Também pode felicitá-lo e fazer um carinho.

3. Olhe nos olhos

O cachorro deve saber que se está falando com ele. Portanto, você terá que olhar para ele enquanto diz seu novo nome. Terá que repeti-lo muitas vezes para que o animal perceba a associação. Aconselhamos que você não o repreenda usando sua nova identidade, assim, ele não a relacionará com os castigos.