Gato Serengeti, um gatinho de aparência selvagem

· outubro 1, 2018
É um felino que, apesar de sua aparência selvagem, tem um caráter afável. É comunicativo, se dá muito bem com outros animais de estimação e com crianças, e é incansável na hora de brincar.

Você consegue imaginar um gatinho com uma aparência selvagem, mas que, ao mesmo tempo, é tão fofinho e amigável quanto o gato doméstico mais adorável? Bem, isso já existe. Referimo-nos ao gato Serengeti, um animal que se destaca por sua beleza agreste e por sua personalidade calma e brincalhona.

Uma raça híbrida e recente

Nascido do cruzamento entre um bengali e um oriental de pelos curtos, o gato Serengeti é uma raça híbrida que surgiu na última década do século passado.

A criadora Karen Sausman procurou um animal que tivesse o aspecto selvagem de um serval e que, ao mesmo tempo, se comportasse como o mais pacífico dos bichanos caseiros.

Assim nasceu, na Califórnia (EUA), um felino que nos transporta para o deserto. E é a isso que ele deve o seu lado bengali: lembre-se de que este lindo gato, que se assemelha a um pequeno leopardo, é o resultado do cruzamento de raças de gatos orientais com o bengal.

Se você gosta de gatos selvagens, mas ao mesmo tempo é atraído pela natureza lúdica e carinhosa de gatinhos domésticos, o gato Serengeti pode ser seu animal de estimação ideal.

Gato Serengeti

Refinado e selvagem, assim é esse felino

Bonito e elegante, graças ao seu sangue oriental, o gato Serengeti destaca-se pela sua aparência listrada, herança do seu sangue bengali. Além disso, também apresenta as seguintes características físicas:

  • Tamanho médio.
  • Pelagem: textura curta, grossa, macia e fina.
  • Cor: o manto pode ter manchas pretas, castanhas escuras, avelã ou prateadas. Os tons são mais claros no abdômen, no queixo e na frente do focinho.
  • Peso: entre 4,5 e 7 kg (machos), e entre 3,5 e 5,5 quilos (fêmeas).
  • Corpo: alongado, musculoso e forte.
  • Patas: longas e fortes, bem equipadas para o salto.
  • Cabeça: pequena em relação ao corpo, alongada e triangular. Além disso, na testa há uma marca escura que lembra um besouro.
  • Pescoço: longo e grosso.
  • Orelhas: grandes (muito mais que as de qualquer gato comum), longas, eretas e com pontas arredondadas.
  • Olhos: muito grandes, redondos e verdes, âmbar ou amarelo. O olhar é intenso e profundo.
  • Nariz: largo e reto.
  • Cauda: comprimento médio. É grossa na base e afunila ligeiramente na direção da ponta.

Um animal de estimação que gosta de brincar e escalar

Por sua beleza e excelência, o gato Serengeti ganhou seu lugar em exposições ao redor do mundo. No entanto, também é um bichano ideal para ter em casas.

É um animal que gosta da companhia humana, mesmo que seja a de um perfeito estranho. Afável e comunicativo, ele sabe exigir atenção de seus donos.

Se dá muito bem tanto com crianças como com outros animais de estimação. Além disso, ele é incansável na hora de brincar. Por exemplo, gosta de buscar a bola, como se fosse um cachorro.

Gato Serengeti

Porém, ainda assim, mantém seu instinto de caçador. Portanto, não é difícil que você o encontre nos cantos da casa em busca de possíveis presas. Então, é bom ter um jardim ou quintal onde ele possa correr e subir à vontade, sempre tomando cuidado para que não fuja.

Gato serengeti, um gatinho fácil de cuidar

Estamos diante de um animal saudável, que não precisa de mais atenção do que qualquer outro gato doméstico. Tem uma expectativa de vida de cerca de 15 anos.

No entanto, visitas regulares ao veterinário são necessárias para monitorar sua saúde e para acompanhar as vacinações e a desparasitação.

Além disso, não devemos nos esquecer de que a alimentação de cada bichano deve ser de qualidade e de acordo com suas características (idade, peso, atividade física, etc.).

Por outro lado, escovar sua pelagem uma ou duas vezes por semana será suficiente para fazer o gato Serengeti parecer o vencedor de todos os concursos de beleza, mesmo que prefira o conforto de uma casa.