Gatos persas: saiba tudo sobre o seu comportamento

· abril 29, 2019
Embora a expressão em seu rosto possa sugerir que eles estão sempre de mau humor, este felino é muito sociável e amigável.

Os gatos persas têm características que os tornam únicos e belos. Rostos largos, narizes chatos e uma pelagem longa e abundante são alguns de seus traços físicos inconfundíveis.

Por causa de suas singularidades, eles formam uma das raças de gatos mais conhecidas do mundo. A seguir, veremos alguns sinais distintos desses felinos em relação ao seu comportamento, hábitos e alimentação.

Originários do Oriente Médio, os gatos persas chegaram à Europa no século XVII graças ao comércio de jóias e especiarias. Depois de conquistar todos os reinos que encontraram, eles se mudaram para a América em meados do século XIX.

A expressão austera dos rostos desses gatos sugere que eles mantêm um mau humor permanente. No entanto, uma vez que os conhecemos, mudamos de opinião.

Características típicas dos gatos persas

Eles são robustos, em parte devido à espessura dos pelos. Seu peso aproximado é de cerca de quatro a sete quilos, com medidas de até 55 centímetros. Uma de suas peculiaridades é que, em razão das suas pernas curtas, seu andar transmite uma sensação de lentidão.

Embora eles pareçam animais lentos e pesados, assim como os gatos angorá, o persa geralmente é um caçador habilidoso quando tem uma oportunidade.

O maravilhoso comportamento dos gatos persas

Gato e cachorro juntos

Os gatos persas são bons companheiros domésticos. Longe de ter um instinto aventureiro, preferem passar as horas deitados nas poltronas, cadeiras e tapetes da casa. Surpreendentemente, esses felinos são muito sociáveis com humanos, outros gatos e cachorros, e possuem uma personalidade doce e amigável.

Mesmo em apartamentos e casas sem acesso a áreas externas grandes, esses animais não demonstram ansiedade ou chateação. Pelo contrário, seu instinto de caça e romance permanece sempre disposto.

Os gatos persas estão acostumados a serem lisonjeados por suas peles. No imaginário dos reinos do Oriente esses animais estavam ligados à grandeza, riqueza e aristocracia.

O mesmo aconteceu na Inglaterra em relação à lisonja. Até a rainha Vitória era uma admiradora declarada dos gatos persas. Afinal, sua pelagem macia e sua altivez amorosa despertam em seus mestres uma agradável sensação de amizade e calma.

Da mesma forma que os humanos adotam animais, os gatos persas tendem a escolher um ser humano preferido entre os que os rodeiam. Talvez o escolhido seja aquele que lhe dá elogios, carinhos e olhares suficientes.

São gatos vaidosos e inteligentes que gostam de se exibir

Gato persa visto de perto

Esses felinos são especialmente vaidosos, mas também muito inteligentes. As brincadeiras em que eles podem provar sua astúcia são especialmente atraentes, principalmente quando compreendem que sempre podem receber carícias e elogios como recompensa.

Embora não sejam tão independentes quanto a maioria dos felinos domésticos, os gatos persas podem passar um dia inteiro em silêncio. Sua maneira de miar é gentil e ele a usa apenas em ocasiões que considera necessário.

Normalmente, este gato vai escolher alguns pontos da casa como preferidos e vai gastar suas horas neles. No entanto, ele ficará feliz se houver crianças na casa para que possa brincar, ser cuidado, respeitado e mimado como merece.

Em suma, as principais características do comportamento dos gatos persas são:

  • Tranquilos: tendem a ficar descansando o dia todo.
  • Sociáveis e amigáveis: eles gostam de passar tempo com outros gatos, cães, adultos e crianças.
  • Observadores: desde a época em que eram vistos como realeza, eles adoram assistir e ouvir o que ‘seus humanos’ fazem.
  • Vaidosos: eles gostam muito de receber elogios.
  • Inteligentes: eles são apaixonados por brincadeiras nas quais podem exibir sua astúcia e inteligência.

Gatos persas precisam de muitos cuidados especiais

Embora a vida média desses pequenos animais seja de até 15 anos, é necessário ter bastante cuidado com eles para que atinjam a velhice com boa saúde.

Primeiramente, você precisa cuidar e regular a dieta deles. Em um estado doméstico, eles têm uma alta probabilidade de sofrer de obesidade devido à sua tendência sedentária.

Outro fato a ter em mente é que os gatos persas com pelo azul são propensos ao rim policístico. Com o tratamento adequado, sua qualidade de vida não necessariamente se deteriorará. A variedade chamada peke-face, com uma face extremamente plana, pode sofrer de obstrução lacrimal.

Quanto ao cuidado com os pelos dos gatos persas, o ideal é fazer uma escovação periódica para mantê-lo macio e brilhante. Recomenda-se também levá-lo a pet shops especializados pelo menos duas vezes por ano.

Por fim, todo animal que acompanha a vida doméstica terá algo maravilhoso a oferecer. No caso dos gatos persas, o cuidado especial é insignificante em comparação com a presença afetuosa e inteligente desses bichanos.