A gripe também pode afetar os animais?

junho 22, 2020
A gripe é uma condição comum conhecida por todos, que afeta os seres humanos anualmente. Entretanto, também existem diversos vírus que atuam no reino animal. A seguir, vamos mostrar alguns exemplos.

Nesse momento, a doença COVID-19 chama a atenção de todos no mundo inteiro devido à sua rápida disseminação. No entanto, o vírus da gripe continua sendo um dos vírus mais conhecidos por todas as pessoas.

Você já se perguntou se os animais também ficam com gripe? E, caso a resposta seja afirmativa, é possível falar de uma “gripe animal” propriamente dita? O que deve ser levado em consideração nesse sentido? Não se preocupe, pois vamos esclarecer esse problema a seguir.

Vírus, agentes oportunistas

Os vírus convivem com os seres vivos de forma intrínseca. Isso ocorre porque eles são agentes infecciosos que só conseguem se multiplicar dentro das células de outros organismos. Assim, para a sobrevivência dos vírus, é necessária a infecção contínua de outros seres vivos.

Os vírus “sequestram” as células, replicam as suas informações genéticas dentro delas e então saem do corpo, geralmente através de secreções, para infectar outros corpos.

A gripe é o tipo de vírus mais conhecido, e a espécie Influenza B é a que pode ser encontrada quase exclusivamente em humanos, e também nas focas!  

Embora se apresente de maneira um pouco diferente do que nos seres humanos, a gripe animal também existe.

Gripe animal: o caso das aves

A gripe aviária é causada pelo gênero Influenza A, é relativamente semelhante à que ocorre em humanos. Esse vírus certamente parece familiar para você, pois foi uma variante dele que causou a pandemia de influenza A em 2009.

  • O vírus da gripe aviária circula naturalmente. Ele já foi encontrado em mais de cem espécies de aves selvagens.
  • As aves aquáticas são as que mais o apresentam, desde gaivotas até cisnes.
  • O vírus se multiplica nos intestinos e nas vias respiratórias dos animais. No entanto, eles geralmente não adoecem, funcionando simplesmente como um reservatório.
  • Uma vez que não apresentam sintomas, as aves continuam com o seu ciclo natural, podendo infectar outras que, ao contrário das primeiras, podem ser seriamente afetadas.
  • As aves domésticas, tais como galinhas e perus, são especialmente vulneráveis ​​a essa doença.

Alguns dos primeiros sintomas incluem: enrolamento das penas e postura reduzida de ovos. Nas formas mais graves, pode haver diarreia, asfixia e até mesmo a morte do animal.

Em uma nota ainda mais sombria, é necessário destacar que não há tratamento para as aves (embora exista para a cepa humana). Portanto, a eutanásia é a única opção nesses casos.

A gripe também pode afetar os animais

Gripe felina

Gripe felina é um termo usado para descrever os sintomas típicos em gatos: dificuldades respiratórias e nariz entupido, entre outros. Pode ser causada por dois tipos de vírus ou bactérias, mas, estritamente falando, não existe um tipo específico de vírus Influenza em gatos. 

Ainda assim, eles não estão livres da gripe típica:

  • Os gatos podem ser infectados pelos vírus do tipo Influenza, especialmente pela gripe aviária. A transmissão entre gatos ocorre por meio do contato ou de secreções, assim como acontece em humanos.
  • Não há registro de infecção de gatos para humanos, mas os casos de donos de animais infectando seus felinos com a gripe comum Influenza B são relativamente comuns.
  • Uma vez que eles não são um hospedeiro específico para o vírus, a gripe em gatos geralmente tem como resultado infecções leves.

Gripe em animais selvagens

Os morcegos podem ser afetados por espécies do gênero influenza A. Diversos estudos previram que esses vírus teriam que passar por grandes mudanças para que fossem perigosos para os seres humanos.

Os porcos podem adoecer por causa do gênero Influenza C. Essa é a famosa gripe suína. A taxa de contágio entre porcos é altíssima, podendo chegar a 100% de animais doentes em um espaço rapidamente.

Ainda assim, a taxa de mortalidade é baixa e a maioria se recupera sem ajuda em cerca de uma semana. A gripe suína geralmente não afeta os seres humanos, mas já houve casos isolados.

Até mesmo as baleias podem ser afetadas por certos gêneros de InfluenzaAcredita-se que elas possam se contaminar através das fezes e do contato com as aves marinhas.

A gripe também pode afetar os animais

Adaptabilidade: a melhor arma dos vírus

O segredo para o sucesso dos vírus da gripe no reino animal é a sua grande adaptabilidade.

Os vírus sofrem mutações ao longo do tempo, confundindo o sistema imunitário e fazendo com que seja cada vez mais difícil combatê-los. Você nunca se perguntou por que a vacina contra a gripe é anual?

A alta taxa de mutação e a fácil adaptação permitem que os vírus da gripe pulem entre hospedeiros de diferentes espécies, causando desde doenças quase imperceptíveis até condições respiratórias graves. Uma coisa é certa: não são apenas os seres humanos que sofrem com os sintomas dessa doença!