Como lidar com a perda de um animal de estimação?

maio 23, 2020
O luto pelos nossos animais de estimação às vezes é muito difícil de suportar.

A maioria de nós compartilha um amor intenso e um vínculo especial com os nossos companheiros animais. É natural se sentir devastado pela tristeza diante da perda de um animal de estimação amado. A dor, muitas vezes, pode parecer insuportável e desencadear todo tipo de emoções dolorosas e difíceis.

Embora algumas pessoas possam não entender o que você sentia pelo seu animal de estimação, você nunca deve se sentir culpado ou envergonhado. Em vez disso, use essas maneiras saudáveis ​​de lidar com a sua perda para confortar a si mesmo e aos outros, e iniciar o processo de seguir em frente.

Por que a perda de um animal de estimação dói tanto?

Para muitos de nós, um animal de estimação não é apenas um cachorro ou um gato, e sim um membro querido da nossa família. Eles trazem companhia, diversão e alegria para as nossas vidas.

Um animal de estimação pode trazer estrutura ao seu dia, fazer com que você se mantenha ativo e sociável, ajudar a superar contratempos e desafios na vida e até mesmo proporcionar um significado ou um propósito para você.

Portanto, quando um animal amado morre, é normal sentir uma dolorosa tristeza. Embora cada um de nós responda à perda de um animal de estimação de maneiras diferentes, o nível de sofrimento dependerá de fatores como as circunstâncias da morte e a idade do animal, entre outros.

Geralmente, quanto mais importante o seu animal de estimação for para você, mais intenso será o sofrimento emocional que você vai sentir. O papel do animal de estimação na sua vida também pode ter um impacto. Se você morava sozinho e o animal de estimação era a sua única companhia, isso pode ser ainda mais difícil.

Quaisquer que sejam as circunstâncias da sua perda, lembre-se de que o luto é algo individual. Por isso, você não deve sentir vergonha do que está sentindo. Embora enfrentar a perda seja uma parte inevitável de ter animais de estimação, existem maneiras saudáveis ​​de lidar com a dor.

lidar com a perda de um animal de estimação

O processo de luto após a perda de um animal de estimação

O luto é uma experiência altamente individual. Algumas pessoas acham que o luto pela perda de um animal de estimação ocorre em fases. São experimentados sentimentos como negação, raiva, culpa, depressão e, eventualmente, aceitação e resolução.

Outros acham que a dor é mais cíclica, que ocorre em ondas ou em uma série de altos e baixos. É provável que os momentos mais baixos sejam mais profundos e mais longos no início. Gradualmente, eles se tornam mais curtos e menos intensos conforme o tempo vai passando.

O processo de luto não pode ser forçado ou apressado, e não existe um cronograma padrão para ele. Algumas pessoas começam a se sentir melhor em semanas ou meses. Para outras, o processo de luto pode levar anos.

Sentir-se triste, em estado de choque ou solitário são reações normais diante da perda de um animal de estimação amado. Demonstrar esses sentimentos não significa que você seja fraco ou que os seus sentimentos sejam, de alguma forma, descabidos. Significa apenas que você está de luto pela perda de um animal de estimação que amou. Lembre-se sempre: você não deve se sentir envergonhado por causa disso.

Lidar com a dor após a perda de um animal de estimação

A dor é uma resposta normal e natural à morte e que só pode ser tratada com o tempo. Mas existem maneiras saudáveis ​​de lidar com a dor. Aqui estão algumas sugestões:

Não deixe ninguém te dizer como você deve se sentir

Sua dor é sua e ninguém mais pode te dizer quando é hora de seguir em frente ou superá-la. Permita-se sentir o que você está sentindo, sem vergonha ou julgamento. Não há problema em ficar com raiva, chorar ou não chorar. Também não tem problema rir, encontrar momentos de alegria e deixar tudo passar quando você estiver pronto para isso.

lidar com a perda de um animal de estimação

Aproxime-se de outras pessoas que perderam animais de estimação

Consulte grupos de suporte on-line e linhas diretas sobre a perda de animais de estimação. Se os seus próprios amigos e familiares não têm empatia com a sua perda, encontre alguém que tenha. Muitas vezes, alguém que também sofreu a perda de um animal de estimação pode entender melhor o que você está passando.

Crie um legado

Preparar um memorial, plantar uma árvore em memória ao seu animal de estimação ou compilar um álbum de fotos ou recortes são coisas que podem criar um legado para celebrar a vida do seu companheiro. Lembrar a diversão e o amor que você compartilhou com o seu animal de estimação pode te ajudar a seguir em frente.

Cuide-se

O estresse da perda pode esgotar as suas reservas energéticas e emocionais rapidamente. Cuidar das suas necessidades físicas e emocionais te ajudará a superar esse momento difícil.

Passe um tempo junto das pessoas que se preocupam com você, mantenha uma dieta saudável, durma bem e faça exercícios regularmente para liberar endorfinas e melhorar o seu estado de humor.

Se você tiver outros animais de estimação, tente manter a sua rotina normal

Os animais de estimação sobreviventes também podem sofrer quando outro animal morre. Manter as suas rotinas diárias ou até mesmo aumentar o tempo de exercícios e brincadeiras, não apenas beneficiará os animais sobreviventes em termos sentimentais, como também poderá ajudar a melhorar o seu estado de humor e perspectiva.

Procure ajuda profissional se precisar

Se a sua dor persistir e interferir na sua capacidade funcional, o seu médico ou um profissional de saúde mental poderão avaliar a sua tristeza e depressão.

  • http://www.vetstreet.com/our-pet-experts/7-ways-to-cope-with-the-loss-of-a-pet
  • https://www.avma.org/public/PetCare/Pages/pet-loss.aspx