Medicina veterinária natural e holística: saiba mais

A medicina tradicional pode ser utilizada. Entretanto, formas mais naturais e integrais podem ser buscadas para tratarmos nossos animais. O veterinário natural e holístico trata o animal como um todo.

Última atualização: 16 Maio, 2018

Esse tipo de medicina observa o animal de forma integral e baseia-se em tratamentos naturais. Longe de ver a doença como uma entidade isolada, ela é considerada como parte de um todo. Abaixo, mostramos o que é e damos alguns conselhos que você saiba mais sobre a medicina veterinária natural e holística.

Particularidades da medicina veterinária natural e holística

Quem prefere a medicina veterinária natural e holística opta por uma medicina integrada e baseada na prevençãoComo acontece com os seres humanos, existem várias possibilidades de tratamentos preventivos.

A medicina tradicional pode ser utilizada. Entretanto, formas mais naturais e integrais podem ser buscadas para tratarmos nossos animais. Por isso, a medicina veterinária natural e holística buscar tratar os animais como um todo. Em vista disso, ela usa elementos vindos da natureza para favorecer o tratamento e a prevenção de doenças.

Do que se trata?

A medicina veterinária natural e holística considera que a doença tem sua origem em vários fatores. Entre eles, estão os fatores físicos, emocionais, energéticos e ambientais.

Assim, tenta dar uma resposta integral no tratamento, estudando cada caso em particular. E trabalha em conjunto com o organismo para ativar os processos de cura nele. Ou seja, aproveita as capacidades de cura do próprio organismo e as ativa.

Modalidades: qual escolher

Ao escolher um tratamento de medicina veterinária natural e holística, você deve considerar qual a fase da doença. Entre elas, estão: fase inicial de diagnóstico e prevenção, fase clínica, fase de convalescença.

Em vista disso, um diagnóstico completo deve ser feito. Afinal, ele é muito importante para que o tratamento seja eficiente. Com base nessa análise, pode ser decidida a modalidade mais apropriada para aquilo que o indivíduo precise. Uma não exclui a outra, mas sim se complementam.

  • Medicina tradicional chinesa e acupuntura: ela tem mais de 4.000 anos. Baseia-se em ativar o poder de cura do próprio organismo. Usa acupuntura, acupressão, ervas chinesas, massagem.
  • Acupuntura: sua origem vem da medicina chinesa. Ela é especialmente indicada como método de prevenção. É aconselhável para tratar várias doenças funcionais, como paralisia, alergias ou para tratar a dor.
  • Homeopatia: é uma disciplina na qual são administradas substâncias que reproduzem os sinais clínicos de animais saudáveis ​​no paciente. É centrada em cada animal.
  • Fitoterapia veterinária: baseada na medicina popular, utiliza plantas e derivados para tratar doenças.
  • Terapias florais: baseia-se nos estudos de Edward Bach, usa essências florais para harmonizar o organismo. Nos animais, é aconselhável para doenças físicas e psicológicas.
  • Medicina nutracêutica: utiliza suplementos nutricionais, micronutrientes e macronutrientes para tratar as doenças.
  • Medicina física veterinária: é aconselhável para o tratamento de lesões. É um método não invasivo de reabilitação que utiliza alongamentos, massagens, laser, fontes elétricas, hidroterapia, etc.

Por que escolher um veterinário natural e holístico

Em primeiro lugar, para definir a modalidade procurada, o diagnóstico deve ser levado em conta e o estágio em que a doença está. Depois, devemos considerar se a intenção é prevenir ou tratar uma doença já avançada.

Em segundo lugar, tenha em mente que uma modalidade não está em desacordo com a outra. O veterinário natural e holístico pode complementar o tratamento em certas fases com os tratamentos convencionais.

O que ter em mente ao escolher?

Estas são as bases da medicina natural:

  • A natureza fornece vários elementos para prevenir e tratar doenças.
  • Utiliza métodos não invasivos.
  • Considera a doença, não como produto de um fator, mas em sua totalidade. Parte do físico, emocional, energético, para diagnosticar e tratar integralmente.
  • Os tratamentos e diagnósticos são individuais. Cada animal experimenta e manifesta a doença de forma diferente.
  • Considera o organismo como o principal fator de cura e ativa esses mecanismos de defesa do corpo.
  • A nutrição natural como modo de vida é um aspecto fundamental na prevenção.
  • Tenta alcançar o máximo de bem-estar e qualidade de vida.

Conselhos para decidir

Conhecer as bases e modalidades da medicina holística e natural é o primeiro passo. Em uma segunda fase, você precisa encontrar um profissional para guiar o processo. Essa escolha é importante, já que o veterinário deve ter o bem-estar do animal como sua missão.

Tenha em mente que a prevenção e o diagnóstico são cruciais nesse tipo de tratamento. Portanto, observe o aparecimento de possíveis sintomas quando eles ainda estão em seu estágio inicial.

Em suma, devemos estar abertos às possibilidades oferecidas por esse tipo de medicina. Além disso, precisamos estar informados e buscarmos alternativas. O principal nesse tratamento é restaurar o equilíbrio do organismo do indivíduo e proporcionar uma melhor qualidade de vida.

Pode interessar a você...
Mis AnimalesLeerlo en Mis Animales
Você sabia que os Florais de Bach aumentam a qualidade de vida de seu animal de estimação?

Assim como os humanos, os animais também podem ser tratados com Florais de Bach. Eles não têm nenhum efeito colateral, então estão liberados.