Você sabia que as ovelhas reconhecem pessoas?

abril 27, 2019
Embora no passado os animais de fazenda fossem de interesse como objetos de estudos de cognição, muitos pensavam que as ovelhas não eram inteligentes. No entanto, a verdade é que essa espécie é capaz de reconhecer rostos de pessoas conhecidas e desconhecidas.

A Universidade de Cambridge conseguiu demonstrar que as ovelhas reconhecem as pessoas, ou melhor, seus rostos. O experimento usou fotografias de celebridades como Emma Watson, Paris Hilton e Barack Obama.

As ovelhas são animais que, tradicionalmente, não são associadas à inteligência. Provavelmente isso acontece com todos os animais de consumo, uma vez que nunca foi do interesse de muitas indústrias estudar a semelhança desses animais conosco.

No entanto, existem vários estudos realizados em ovinos, que teriam um QI semelhante ao das vacas e ligeiramente inferior ao dos porcos. Este novo estudo demonstra novamente que a inteligência dos animais de fazenda os posiciona como animais sensíveis e sociais.

Um estudo mostrou que ovelhas reconhecem pessoas

Todos os dias vemos como a barreira entre o ser humano e o resto dos animais diminui, e descobrimos novas capacidades de algumas espécies que pensávamos ser exclusivas de outras.

Neste caso, um estudo mostrou que os ovinos reconhecem pessoas, além de lembrar dos seus rostos. As oito ovelhas que participaram do estudo tiveram que reconhecer várias celebridades, e elas acertaram em 8 de 10 vezes. De fato, outros estudos mostraram sua capacidade de reconhecer expressões faciais.

Ovelhas e inteligência

Essa capacidade estaria relacionada ao fato de que ovelhas são animais sociais que devem reconhecer indivíduos específicos dentro de seu grupo, pois são animais gregários acostumados a viver em grandes grupos, uma das razões por trás de sua domesticação precoce pelos primeiros praticantes da transumância.

Os rostos familiares

Os rostos foram colocados em ângulos diferentes, e até mesmo os rostos dos cuidadores foram utilizados sem qualquer treinamento por parte das ovelhas, o que novamente demonstrou que as ovelhas reconhecem pessoas com eficácia de forma semelhante a vários primatas.

Ao escolher os rostos de seus cuidadores, às vezes as ovelhas hesitavam e olhavam para a foto errada novamente.

Cabe destacar que as ovelhas tinham que ser treinadas para entender a dinâmica de trabalho do experimento. Embora o reconhecimento de rostos familiares fosse uma habilidade relativamente conhecida, reconhecer faces de estranhos também parece ser uma habilidade desses pequenos ruminantes.

Inteligência das ovelhas

As ovelhas recebiam um prêmio quando escolhiam a foto correta, e quando erravam tocava uma campainha.

Qual a importância disso?

A capacidade de reconhecer rostos está presente em poucos animais, uma vez que muitas espécies usam outros sentidos e características para reconhecer os indivíduos. Os lêmures de cauda anelada usam o olfato para detectar doenças, enquanto muitas aves usam cantos individuais.

Esta é mais uma prova da grande inteligência de alguns animais abatidos, criticados por anos e relegados por muitos estudos de cognição. Os pesquisadores sugerem que as ovelhas poderiam ser um modelo para estudar doenças cerebrais, como a doença de Huntington.

A equipe começou a estudar os animais que carregam a mutação da doença, que, entre outras coisas, afeta o reconhecimento das emoções faciais. Este estudo abre novas possibilidades para as pessoas afetadas pela doença, pois é atualmente uma doença neurodegenerativa que afeta muitas pessoas e carece de uma cura conhecida.