Pelos brancos em cães: sinal de envelhecimento precoce?

março 11, 2019
Embora seja comum que eles sejam causados pela idade, a origem dos pelos brancos em cães pode ser prematura devido a vários fatores.

Pelos brancos em cães são muito comuns. Como nos seres humanos, o envelhecimento é uma das principais causas do aparecimento desses pelos brancos em nosso animal de estimação. No entanto, é possível que surjam prematuramente.

Se um cão tem menos de cinco anos e muitos pelos brancos, isso pode ser um sinal de que algo está errado com sua saúde.

A seguir, veremos alguns fatores que irão nos ajudar a entender qual é a origem dos pelos brancos em cães e quando devemos nos preocupar.

Envelhecimento precoce em cães

O envelhecimento é a origem mais comum de pelos brancos em cães. No entanto, quando um animal jovem começa a ficar cinzento, fala-se de envelhecimento precoce. Existem muitas causas para isso; mas na maioria das vezes, elas indicam que há um problema.

Um cão jovem, que tem muitos pelos brancos, geralmente também tem outros problemas de saúde. Nesse caso, o aparecimento de pelos brancos pode vir acompanhado de outros sintomas, como perda de peso, falta de apetite ou perda de pelos.

Há também muitos casos em que pelos brancos estão associados a problemas de estresse. O cão terá então, além do envelhecimento precoce, um comportamento associado a sintomas de ansiedade ou agressão.

Finalmente, em alguns casos, o envelhecimento precoce em cães tem uma origem genética. Por exemplo, os cães pretos são mais propensos a terem pelos brancos prematuramente. A raça também pode ser um fator determinante.

cão idoso

Origem dos pelos brancos em cães

Se um cão tem pelos brancos ao redor do focinho, é muito provável que seja em virtude do envelhecimento.

Esses pelos brancos também costumam aparecer em outras partes do corpo e do rosto: sobre os olhos, por exemplo.

Independentemente de qualquer problema de saúde, a partir de uma certa idade o pelo dos cães começa a perder sua cor. Isso geralmente ocorre aproximadamente após sete ou oito anos de idade.

A cor do pelo é marcada por uma molécula chamada melanina. Trata-se de um pigmento que é produzido em cada folículo piloso.

Com a idade, o DNA tem cada vez menos capacidade de produzir as células responsáveis ​​pela criação da melanina.

Existem também outras hipóteses que explicam a origem dos pelos brancos, principalmente quando estes aparecem prematuramente.

Acredita-se, por exemplo, que os folículos às vezes produzem mais peróxido de hidrogênio do que o normal. E esse elemento seria responsável pelo clareamento dos pelos.

Por que os pelos brancos em cães podem surgir precocemente?

Como vimos anteriormente, o envelhecimento precoce em um cão pode ter sua origem em diferentes causas. É importante conhecê-las e tomar as medidas adequadas a tempo; para corrigir esta situação e prevenir problemas que possam comprometer a saúde dos cães.

Uma das causas do envelhecimento precoce pode ser uma nutrição insuficiente.

Ocasionalmente, a descoloração dos pelos dos cães é causada pela falta de nutrientes. Isso pode acontecer, por exemplo, em cães que não comem carne.

pelos brancos em cães jovens

Se além de pelos brancos nosso animal de estimação apresenta sintomas como apatia, falta de apetite ou perda de peso, pode ser uma infecção por parasitas ou até mesmo algo mais grave. Neste caso, é necessário levá-lo ao veterinário para administrar o tratamento adequado.

Na prática, muitas vezes acontece que uma das razões mais frequentes para os cães terem envelhecimento precoce é o estresse:

Estresse em cães

A relação entre envelhecimento precoce em cães e ansiedade é muito frequente. Não há dúvida: cães que sofrem com estresse terão envelhecimento precoce.

É importante prestar atenção aos sinais, a fim de fazer as mudanças necessárias que contribuirão para o bem-estar de nosso animal de estimação.

A ansiedade e o estresse em cães geralmente se manifestam, por exemplo, através da destruição de objetos em seu ambiente quando eles ficam sozinhos.

Esse estado psíquico também costuma se traduzir em hiperatividade, mesmo após o exercício físico, incapacidade de se acalmar, nervosismo permanente ou comportamentos como pular nas pessoas.

Os cães podem sofrer de ansiedade quando ficam sozinhos por muito tempo em casa ou quando não saem o suficiente.

Eles também podem ficar estressados ​​quando convivem com pessoas estressadas ou em ambientes muito tensos.