Tarântula como animal de estimação: tudo que você precisa saber

abril 11, 2019
Embora sua aparência possa ser um pouco sinistra, você pode ter uma tarântula como animal de estimação porque a maioria delas não é venenosa e, portanto, não é perigosa.

Ter uma tarântula como animal de estimação pode não ser uma das ideias mais populares. No entanto, é uma tendência crescente que ganha mais seguidores a cada dia. Por esse motivo, é conveniente saber tudo sobre os seus cuidados.

É possível ter uma tarântula como animal de estimação?

Ter uma tarântula como animal de estimação não é muito comum. No entanto, é uma ideia que atrai mais pessoas todos os dias. Assim, a resposta à pergunta do subtítulo é afirmativa.

É realmente seguro ter uma tarântula como animal de estimação? Quais são os cuidados mais apropriados para manter uma tarântula em condições ideais?

Cabe destacar que a tarântula é a maior aranha pertencente à família Lycosidae. Embora possam ter uma aparência levemente sinistra, a maioria das tarântulas não é venenosa ou representa um perigo para as pessoas.

Por suas características, é possível tê-la como animal de estimação, desde que seja oferecido o cuidado e o ambiente certo para o bem-estar da mesma.

Embora, em geral, as tarântulas não sejam muito agressivas, também é verdade que ninguém está isento de receber uma picada delas em algum momento. Ainda que esta picada possa ser um pouco dolorosa, não representa um perigo para a saúde.

Tarântula como pet

Características das tarântulas

Estas são as peculiaridades desses temidos insetos:

Elas não devem ser perturbadas

Como explicado acima, as tarântulas geralmente não são agressivas. Isso significa que para elas decidirem prender suas presas e infligir-lhes uma grande dor, devem se sentir extremamente ameaçadas e em perigo. Portanto, uma diretriz essencial para ter uma tarântula de estimação é não perturbá-la.

Elas não podem repetir padrões de comportamento

Embora as tarântulas sejam altamente inteligentes, elas não podem ser treinadas como outros animais de estimação. Foi comprovado que essas aranhas não têm capacidade, além das necessidades de sobrevivência, para reproduzir comportamentos ou padrões.

Uma das poucas coisas que podem ser ensinadas a uma tarântula é bater um certo número de vezes no vidro toda vez que você vai dar comida. Dessa forma, ela associará esse som com a comida e sairá de sua toca.

Expectativa de vida

A expectativa de vida de uma tarântula costuma ser bastante longa, especialmente no caso das fêmeas. Estas podem viver até 14 anos, enquanto os machos dificilmente ultrapassam os seis anos.

Tarântulas

Aspectos a considerar para ter uma tarântula como animal de estimação

Escolha uma espécie pacífica

Na prática, um dos aspectos mais importantes a considerar é a escolha de uma tarântula que não seja venenosa e cujo comportamento seja, em geral, mais pacífico.

Nesse sentido, espécies como a tarântula de patas rosadas, de anéis vermelhos ou a conhecida como Rosa chilena são algumas das mais recomendadas. Por outro lado, as tarântulas azul-cobalto, a babuíno laranja ou a gigante são muito agressivas e venenosas.

O espaço certo

Outro aspecto fundamental é fornecer à tarântula um espaço adequado para o seu desenvolvimento. Para isso, é aconselhável comprar um terrário com pelo menos 20 litros de capacidade e adicionar os elementos de que a aranha precisa de acordo com a sua espécie.

É necessário enfatizar que as aranhas se adaptam muito bem aos espaços reduzidos. No entanto, quanto mais espaço você puder fornecer, melhor.

Busca de informação

É claro que as tarântulas não são os animais de estimação mais populares. Portanto, é importante que a pessoa busque todas as informações possíveis sobre elas. Neste caso, é aconselhável ir a um veterinário especializado; o profissional informará sobre os cuidados, manejo do animal, limpeza do terrário e, sobretudo, sobre as espécies mais adequadas para se ter em casa.

Não se esqueça de que, apesar da sua fama, as tarântulas são animais de estimação que não fazem muito mais do que o necessário para sobreviver. Nesse sentido, você não pode esperar ter muita interação com elas, já que quando incomodadas elas podem, até mesmo, se tornar agressivas.

Se o que você está procurando é um animal de estimação para brincar e se divertir, definitivamente uma tarântula não é o mais apropriado. No entanto, se a pessoa realmente quer uma tarântula como animal de estimação, é essencial se informar sobre todos os aspectos que precisam ser atendidos.