As técnicas de quiropraxia mais comuns para o seu gato

· abril 14, 2019
Nossos animais de estimação podem sofrer problemas nas articulações ocasionados por vários motivos. Neste artigo vamos falar sobre algumas das técnicas de quiropraxia que ajudarão seu gato a recuperar sua mobilidade.

Os gatos, assim como nós, podem sofrer desequilíbrios ou lesões que podem impedir ou dificultar que realizem certos movimentos diários. Para corrigir esse problema, podemos recorrer a técnicas de quiropraxia para gatos, que irão ajudá-los a recuperar a mobilidade. A seguir, vamos contar o que é quiropraxia e suas aplicações mais comuns em gatos.

O que é a quiropraxia?

Quando um gato – ou qualquer outro animal – cai, sofre uma lesão, é submetido a exercícios intensos ou tem problemas relacionados à idade, seus movimentos, em geral, podem ser seriamente afetados.

A quiropraxia é considerada uma técnica complementar à medicina veterinária. Técnicas de quiropraxia estão focadas em tratar o que é conhecido como disfunções biomecânicas, ou seja, no movimento articular.

Através de uma série de ajustes e movimentos precisos, os quiropraxistas tentam “restabelecer” o esqueleto do nosso animal de estimação e melhorar sua biomecânica.

O que é a quiropraxia?

Quando aplicar as técnicas de quiropraxia para gatos?

Embora nem sempre sejam visíveis, existem diferentes sintomas ou gestos que podem indicar que nosso gato está enfrentando um problema de mobilidade:

  • Dificuldade de subir ou descer escadas ou outros obstáculos.
  • Não levantar o rabo da maneira correta ou habitual.
  • Sua postura ao sentar está diferente.
  • Ao andar, o animal começa a mancar.

A quiropraxia também pode ser útil se o gato passou por algum tipo de cirurgia. Mas, em primeiro lugar, é extremamente importante que as técnicas de quiropraxia sejam recomendadas e aplicadas por um veterinário ou um profissional em quiropraxia animal.

Quando aplicar as técnicas de quiropraxia em gatos?

Quais são as técnicas mais comuns?

Muitas destas técnicas são aplicáveis aos gatos, cães e outros pequenos animais. As mais comuns são:

  • Trabalhar os músculos flexores do quadril: realizar uma série de movimentos de pressão suaves irá melhorar a flexibilidade no quadril e coluna vertebral.
  • Esticar e alongar os músculos do ombro: fazer esses alongamentos ajudará seu gato a se mover corretamente. A integridade estrutural dos ombros também será aliviada.
  • Alongamento das costas: melhorar a mobilidade nas costas trará, sem dúvida, grandes benefícios para o seu gato. Sua mobilidade geral irá melhorar e sua tensão corporal será menor.

Existem muitas outras técnicas de quiropraxia que podem ser aplicadas. Todas elas dependem da área da articulação que precisa de cuidados para melhorar. Se você quiser saber mais, não hesite em consultar seu veterinário de confiança sobre qual caminho seguir.

  • Kamen, D. (2013). The well adjusted cat: Feline chiropractic methods you can do. CCB Publishing.

 

  • Taylor, L. L., & Romano, L. (1999). Veterinary chiropractic. The Canadian Veterinary Journal40(10), 732.