Como tratar a constipação em animais de estimação

· julho 24, 2018
Com produtos acessíveis e de consumo regular é possível resolver este problema. Embora deva-se sempre ter em mente que pode haver uma doença por trás, que deverá ser diagnosticada por um veterinário.

Animais, assim como os seres humanos, sofrem de problemas estomacais, o mais comum é a constipação em animais de estimação. Isso é muito chato, devido aos problemas que poderá trazer.

Felizmente, não se trata de algo tão sério e, se for apenas essa condição em si, podemos tratá-la de forma natural, com remédios caseiros. As coisas podem ficar mais complicadas se a constipação em animais de estimação for um sintoma de outras doenças, mas também falaremos delas.

O que é a constipação em animais de estimação?

A constipação é a incapacidade de processar adequadamente os alimentos e, consequentemente, a deficiência ou a incapacidade de evacuar os resíduos como deveria ser. É uma condição muito recorrente em cães e gatos e que causa grandes problemas de saúde.

As causas da constipação podem ser variadas, mas as mais comuns são uma dieta inadequada, que causa estragos no sistema digestivo do animal, e a falta de exercícios em geral.

Outra razão para a constipação surgir em animais de estimação são as lambidas excessivas. Os animais engolem muitos pelos, que se tornam uma bola e obstruem o cólon. Além disso, a constipação em cães mais velhos pode ser um sintoma de algum problema renal, e é por isso que merece ser monitorada.

Em qualquer caso, apenas os veterinários são treinados para fornecer um diagnóstico adequado para cada situação. Se o seu cão ou gato apresentar qualquer alteração, é melhor consultar um especialista e sanar quaisquer dúvidas que você possa ter sobre isso antes de iniciar qualquer tratamento.

constipação em animais de estimação

Trate a constipação em animais de estimação

Uma vez que estejamos livres das dúvidas sobre qualquer outra doença, é possível então acalmar a constipação em animais de estimação. É importante frisar que felinos e caninos têm diferentes metabolismos e, também, apresentam reações diferentes ao mesmo produto, de modo que cada um terá um tratamento de acordo com a espécie.

Em geral, podemos dizer que os remédios dos quais falaremos são muito acessíveis, alguns muito comuns em nossas casas. Muitos produtos são usados ​​diariamente, mas outros podem significar um pequeno investimento.

Para cães

  • Água: é o principal componente de uma dieta balanceada e o principal catalisador para todo o organismo. A água permite a plena função do sistema digestivo e ajuda a fazer com que tudo funcione como um relógio dentro do animal.
  • Azeite: o azeite proporciona muitos benefícios para o corpo de nosso cão, incluindo o alivio da indigestão. Adicione uma ou duas colheres à comida de seu cão e, em alguns dias, você notará as mudanças favoráveis ​​que este elemento trouxe.
  • Exercícios: às vezes uma caminhada curta não é suficiente, então é hora de passar mais tempo fora da casa e até mesmo utilizar uma bola ou algo parecido para o animal se exercitar.
  • Alimentos enlatados: às vezes a constipação é devida à falta de líquido na comida, o que faz com que as fezes saiam muito sólidas. Alimentos enlatados são úmidos o suficiente para compensar isso e, juntamente com a ração de seu animal, podem ser uma boa solução.
  • Laxantes: o leite de magnésia e outros laxantes ajudam no bom fluxo dos intestinos e geralmente não causam problemas de alergia em nenhuma raça.

 constipação em animais de estimação

Para gatos

  • Troque a areia: em alguns casos, o tipo de areia que está sendo usada para aliviar suas necessidades pode desencadear uma alergia, o que impede o desenvolvimento adequado de suas necessidades fisiológicas. Tente mudar a marca e a qualidade e, se o problema persistir, é melhor consultar o veterinário.
  • Evite o excesso de peso: gatos gordos tendem a evacuar várias vezes durante o dia, quando é normal fazer isso uma ou duas vezes apenas. Muitas idas ao banheiro irritam o ânus do animal, o que pode piorar a situação quando o animal não consegue evacuar.
  • Mudar a dieta: outra razão pela qual um gato sofre de constipação é a má alimentação. Tente mudar para uma marca com outros componentes, que contenha apenas proteína animal. O alimento seco também é uma causa provável de constipação, portanto, variar com alimentos úmidos é um grande alívio.
  • Escove a pelagem: isso irá impedi-lo de engolir pelos e entupir seu corpo ao se lamber. Deixe que a escova faça esse trabalho, ao invés de sua língua.

Todas essas opções para aliviar a constipação em animais de estimação são para o caso de o animal não apresentar sinais de gravidade. Se o seu companheiro peludo tem sangue nas fezes ou sente dor, o seu dever é levá-lo imediatamente ao veterinário, para encontrar a solução o mais rapidamente possível.