Você sabe quais são os maiores ovos de aves?

· agosto 24, 2018

O avestruz e o pardal não são do mesmo tamanho… Nem mesmo ao nascerem! Por isso, necessitam de um lugar adequado às necessidades de cada espécie. Neste artigo, contaremos quais são os maiores ovos de aves que existem.

Quais são os maiores ovos de aves do mundo?

Para descobrir quais são os maiores ovos de aves, podemos analisar o tamanho das espécies quando são adultas. Na maioria dos casos, essa “regra” funciona. Listamos alguns deles a seguir:

1. Avestruz

O avestruz (foto que abre este texto) é uma das maiores aves que existem. Consequentemente, os ovos dele são um dos maiores do reino animal. Podem medir até 25 centímetros e pesar dois quilos! Para você ter uma ideia das dimensões, isso equivale a vinte ovos de galinha.

Esses ovos são brancos ou amarelo-claro. Dessa maneira, evitam o super aquecimento, que pode ser causado pelo sol e altas temperaturas das savanas, onde vivem os avestruzes. Quando os filhotes nascem, já apresentam um tamanho considerável e o pai é o encarregado de cuidar deles.

3. Emu

Parente direto do avestruz, essa ave de grande tamanho – que não voa – habita a Oceania. A plumagem apresenta a cor cinza escuro. Até um século, atrás eram muito comuns, mas atualmente a população de emus diminuiu bastante.

Emu com seus ovos

Uma curiosidade em relação aos ovos dessa espécie é que são de cor verde-escuro e de grande tamanho, quase como os do avestruz.

Outra característica simular é que o macho se encarrega de incubar os ovos e cuidar dos filhotes quando nascem. Isso acontece porque ele pode ter várias fêmeas ao mesmo tempo. Então o pai se torna o responsável por cuidar de todos os filhotes, embora sejam de mães diferentes.

3. Kiwi

Embora essa ave endêmica da Nova Zelândia seja muito pequena, a fêmea bota ovos que podem medir 14 centímetros de altura e 9 centímetros de diâmetro.

Kiwi com ovo

Os machos têm a tarefa de chocar os ovos por 10 semanas em ninhos subterrâneos ou tocas feitas pelo casal. É bom saber que os filhotes não são alimentados pelos pais. Eles só nascem quando estão suficientemente desenvolvidos para sair do ninho e buscar a própria comida.

4. Casuar-do-norte

Essa espécie de ave, também parente do avestruz, é nativa de Papua-Nova Guiné. Vive em florestas tropicais e é um animal de grandes dimensões, com patas longas e finas. Apresenta um azul intenso no pescoço e na cabeça.

Casuar-do-norte com ovos

O acasalamento do casuar-do-norte acontece entre maio e junho. Durante o período, cada fêmea bota de três a oito ovos muito grandes, de cores verde-amarelo intenso, e que medem 14 centímetros de largura. São incubados por quase dois meses pelo macho. Ao nascerem, os filhotes permanecem com os pais por nove meses.

5. Ganso

Essa ave nativa da Eurásia e norte da África (e domesticada em diversas partes do mundo) põe ovos três vezes maiores que os das galinhas. O ganso é o maior da família anser e caracteriza-se por ter um corpo robusto, pernas e bicos rosados e penas cinza-acastanhadas com áreas mais escuras.

Ganso voando sobre a água

Trata-se de um animal monogâmico, cuja reprodução ocorre entre março e abril. Durante esse período, o casal constrói ninhos próximos a lagos ou pântanos. Cada fêmea pode botar entre quatro a seis ovos por temporada. Eles são brancos e de forma elíptica. E, ao contrário dos demais desta lista, a mãe é quem se encarrega de incubá-los.