O voo das andorinhas e sua previsão do tempo

Todas as espécies animais enfrentam diferentes condições climáticas em seu ambiente, por isso algumas desenvolveram mecanismos para detectar mudanças ao longo do tempo.
O voo das andorinhas e sua previsão do tempo

Última atualização: 25 maio, 2022

Você já deve ter ouvido o ditado que diz “Andorinha voando baixo anuncia chuva no céu”. Esse ditado popular afirma em suas entrelinhas que as andorinhas teriam uma capacidade oculta de prever o tempo, o que não é impossível, mas é difícil de verificar. Na verdade, não seria o único caso desse tipo, pois existem muitas espécies capazes de sentir mudanças nas condições climáticas.

Embora a maioria desses ditos populares não tenha respaldo científico, alguns expressam comportamentos coloquiais que têm explicação. No caso da andorinha, são conhecidos alguns fatores que podem explicar essa incrível habilidade. Continue a leitura e descubra como o voo das andorinhas pode ser usado para a previsão do tempo.

Quem são as andorinhas?

A andorinha é uma ave pequena que mede cerca de 18 centímetros de comprimento e tem uma envergadura de 33 centímetros. É uma das espécies mais conhecidas, pois geralmente vivem próximas aos humanos. De fato, em alguns lugares são usadas como indicadores de que a primavera chegou.

O termo andorinha é usado para nomear várias espécies que possuem uma distribuição diversificada em quase todo o mundo. No entanto, a andorinha-de-bando (Hirundo rustica), cosmopolita, é a mais popular em várias áreas geográficas. Esses espécimes adoram viver perto de prados, plantações e pântanos, mas também se adaptaram a ambientes urbanos e podem ser vistos em várias cidades.

A dieta dessa espécie baseia-se na caça de vários insetos, tanto terrestres como voadores. Isso não causa nenhum inconveniente, pois é uma ave com excelentes habilidades de voo. Além disso, frequentemente intercepta suas vítimas com acrobacias coloridas perto do chão.

Existem muitos tipos de andorinhas.

É verdade que as andorinhas têm a capacidade de prever o tempo?

Embora pareça decepcionante, as andorinhas não têm um sentido extra para prever o tempo. No entanto, é verdade que seu comportamento pode dar indícios de que uma tempestade se aproxima, pois, como diz o ditado, elas voam baixo quando está prestes a chover.

As andorinhas voam rente ao solo, independentemente da chegada de uma tempestade ou não, pois é um comportamento típico de sua história natural. A grande diferença é que os insetos ficam mais vulneráveis antes e depois da chuva. Portanto, são esses seres que incitam a ave a baixar seu nível de voo.

É importante notar que o clima não afeta a capacidade das andorinhas de subir no ar. Em outras palavras, os espécimes voam perto do solo por sua própria escolha. No entanto, fazem isso com o único objetivo de conseguir um banquete suculento e capturar todas as presas que puderem.

O que os insetos têm a ver com isso?

Embora pareça estranho, os insetos têm certas complicações para se locomover antes, durante e depois de um dia chuvoso. Isso acontece porque a umidade no ambiente afeta sua capacidade de voar, além do fato de que precisam buscar abrigo para não morrer durante as enchentes.

Insetos voadores têm uma aerodinâmica delicada que pode ser facilmente afetada. A simples mudança de peso devido à condensação de microgotículas de água em seu corpo é capaz de limitar sua mobilidade, deixando-os desajeitados. Por outro lado, as espécies terrestres precisam fugir para um local seguro, de maneira que ficam mais facilmente expostas.

De fato, não é só a chuva que é capaz de afetar os insetos, mas qualquer mudança nas condições climáticas pode representar um perigo para esses seres. O frio poderia congelá-los, o calor pode desidratá-los e o vento pode fraturar seu exoesqueleto com o impacto de algum objeto. Portanto, é normal que eles tenham mecanismos que os ajudem a detectar variações no clima.

Consequentemente, o comportamento dos insetos prevê tempestades devido aos efeitos que sofrem e ao risco que a chuva representa. O único problema é que os pássaros aproveitam esse fenômeno para devorá-los, pois, ao contrário deles, suas asas podem suportar a umidade e não têm muita dificuldade para voar nessas condições.

Duas andorinhas.

Então, por que se diz que as andorinhas são capazes de prever o tempo?

Embora sejam os insetos que têm sensibilidade para a previsão do tempo, as andorinhas são maiores e mais fáceis de serem observadas pelas pessoas. Consequentemente, é normal que os ditos populares se refiram às aves e não aos verdadeiros culpados.

Como mencionado acima, várias crenças populares podem ser explicadas em nível científico com as evidências que existem atualmente. No entanto, nem todas são verdadeiras e é preciso ter cautela antes de replicá-las. Ainda há muito a saber e é provável que outros ditos possam ser verificados no futuro. Por enquanto, resta esperar que a ciência avance e descubra os segredos que a natureza guarda.

Pode interessar a você...
A lenda das andorinhas e os espinhos de Cristo
Meus Animais
Leia em Meus Animais
A lenda das andorinhas e os espinhos de Cristo

Depois de ser preso e torturado, Jesus Cristo recebeu uma coroa de espinhos; depois de ser crucificado, um grupo de andorinhas começou a removê-las...



  • Jaworski, Tomasz & Hilszczański, Jacek. (2013). The effect of temperature and humidity changes on insects development their impact on forest ecosystems in the expected climate change. Forest Research Papers. 74. 10.2478/frp-2013-0033.
  • Paumbo, J. (2010). Weather Can Have Major Impact on Insects. Recuperado el 28 de marzo de 2022, disponible en: https://cals.arizona.edu/crop/vegetables/advisories/docs/WeatherandInsects.pdf
  • Hume, R. A. (1986). Reactions of birds to heavy rain. British Birds, 79(7), 326-329.
  • de Lope Rebollo, F. (1981). Biología comparada de la golondrina común (Hirundo Rustica Rustica L.) y de la golondrina dáurica (Hirundo Daurica Rufula TEMM) en Extremadura. Universidad Complutense de Madrid (Spain).