As 5 maiores borboletas do mundo

junho 10, 2019
As maiores borboletas do mundo não só chamam a atenção pelo seu tamanho (podendo atingir 30 centímetros de extensão), mas também pelas suas cores maravilhosas e por seus hábitos surpreendentes.

Elas nos visitam diariamente em nossos jardins, principalmente durante a primavera, e são lindas. Hoje vamos falar sobre as maiores borboletas do mundo, insetos realmente incríveis.

Quais são as maiores borboletas do mundo?

Ficamos felizes com a sua presença enquanto caminhamos pelo parque ou apreciamos a vista em nossa varanda. Nós adoramos suas cores e sua majestade no ar.

Quando você conhecer as maiores borboletas do mundo, ficará, sem dúvida, de queixo caído. Elas são as seguintes:

1. Borboleta asa-de pássaro

Apenas pelo seu nome já conseguimos ter uma ideia de que se trata de uma das maiores borboletas do mundo. Seu nome científico é Ornithoptera alexandrae e ela habita a Papua-Nova Guiné.

A borboleta asa-de-pássaro – foto que abre este artigo – pode atingir 31 centímetros de envergadura (as fêmeas, já que os machos são menores, com 20 centímetros ao abrir suas asas).

Os espécimes femininos são castanhos e amarelos, e os machos são verdes e pretos.

2. Borboleta-imperador

Seu nome científico é Thysania agrippina e também pode ser chamada de borboleta-diabo-branco, grande-bruxa-cinza ou borboleta-fantasma. Pertence à família dos Erebidae e sua envergadura chega a 30 centímetros.

As maiores borboletas do mundo

A borboleta-imperador é cinza ou branca com manchas marrons e pretas. Ela combina perfeitamente com os troncos das árvores e se distribuí por toda a América Latina, principalmente no México. Esta é uma borboleta noturna.

3. Borboleta do bicho-da-seda

O nome científico de uma das maiores borboletas do mundo é Samia cynthiae e se alimenta principalmente das folhas de mamona. Ela é diferente do bicho-da-seda comum, cuja dieta é composta por folhas de amoreira.

Borboleta do bicho-da-seda

A borboleta do bicho-da-seda vive na Índia, embora tenha sido introduzida em outros países como o Japão, a Austrália, o Canadá, os Estados Unidos, a Espanha, o Brasil e a Suíça. Ao abrir suas asas, pode atingir uma envergadura de cerca de 28 centímetros.

4. Borboleta-pavão

Saturnia pyri é uma borboleta noturna com uma envergadura de até 16 centímetros, razão pela qual é considerada o maior inseto da Europa.

Borboleta-pavão

Apresenta um dimorfismo sexual bastante pronunciado, já que as fêmeas têm um abdômen mais arredondado e grande; já os machos têm antenas com pelos mais longos.

Em ambos os casos, as asas têm ocelos semelhantes aos olhos das corujas. Com este ‘design’, assusta seus predadores.

A borboleta-pavão voa durante o crepúsculo e à noite, e durante a estação de reprodução, a fêmea emite feromônios que atraem os machos a uma distância de 20 quilômetros!

Os adultos vivem apenas uma semana e não se alimentam: sua única função é se reproduzir.

5. Borboleta-zebra

A última das maiores borboletas do mundo é tão peculiar por causa da cor das suas asas: listradas de branco e preto. charitonia Heliconius vive na América e no Caribe, principalmente no sul dos Estados Unidos, México, Panamá, Costa Rica, Colômbia, Venezuela e Equador.

Borboleta-zebra

A borboleta-zebra tem asas grandes e sua envergadura pode exceder os 10 centímetros. Quando está na fase de lagarta, alimenta-se das plantas do gênero Passiflora; na idade adulta, de pólen e néctar.

É uma borboleta muito popular devido a sua grande atividade diurna e sua longa vida útil. À noite, elas se agrupam em ‘famílias’ de até 70 indivíduos ao redor das árvores.

Tanto as maiores quanto as menores borboletas do mundo são impressionantes; suas cores chamam a nossa atenção e, acima de tudo, suas mudanças da fase de lagarta para a idade adulta não passam despercebidas. Elas são insetos realmente fantásticos!

  • Wahlberg, N. (2000). The ecology and evolution of Melitaeine butterflies. Dissertation.