Animais que vivem no deserto

· julho 14, 2018

Eles podem suportar altas temperaturas e um sol sufocante… também passam dias sem beber água e procuram comida durante a noite. Os animais que vivem no deserto têm uma existência bastante sacrificada, mas eles conseguiram se adaptar a esse ambiente e sobreviver às condições extremas. Neste artigo, vamos falar mais sobre eles.

Quais são os animais que vivem no deserto?

Apesar de os animais que vivem no deserto passarem suas vidas em condições extremas de calor, vento e clima seco, esses animais conseguiram sobreviver e se adaptar ao habitat do deserto:

  1. Camelo

Pertence ao gênero de mamíferos artiodátilos e à família Camelidae. Eles são conhecidos como camelos ou dromedários, e seu ecossistema é desértico e seco, especialmente na Ásia e na África. É um ruminante sem chifres e cascos que armazena gordura (e não água, como se acredita) em suas corcundas. Eles podem viver até 50 anos e medir 1,85 metros (ou 2,15 metros considerando a corcunda). É passivo, embora, para se defender, pode lançar saliva que produz ardência nos olhos.

Avestruz
Fonte: Yathin S Krishnappa
  1. Avestruz de pescoço vermelho

Também chamado de avestruz do Saara, vive no norte da África e é o mais robusto desse tipo, bem como o mais rápido. Pode passar vários dias sem beber água, e tanto o pescoço como as pernas são avermelhadas (nos machos esse tom torna-se mais intenso durante as estações quentes). Muitos espécimes vivem no Parque Nacional Souss Massa, no Marrocos, pois correm o risco de extinção.

  1. Papa-léguas

Este pássaro, que vive na fronteira entre o México e os Estados Unidos (litoral e planície do deserto), tem costumes terrestres e apenas plana sobre árvores e arbustos. Ele se alimenta de pequenos répteis e insetos e tem uma plumagem escura para imitar o solo. Sua cauda larga serve como um “leme” para correr e fazer voltas rápidas. Pode atingir 32 km/h.

  1. Gazela-dorca

Este familiar mamífero artiodátilo dos dromedários vive nos desertos do norte da África (entre o Egito e o Saara Ocidental). Pode medir 65 cm de altura e pesar 20 kg. Prefere ecossistemas como estepes, desertos de montanhas e prados. Tem orelhas longas e chifres curvos, corpo castanho claro e barriga branca. Eles também podem passar um longo período de tempo sem beber, pois, obtêm líquido da umidade das folhas. Eles são mais ativos à noite.

  1. Adax

Outro animal que vive no deserto é este antílope de até 120 kg de peso e 1 metro de altura. Tem chifres anelados de crescimento vertical, tanto os machos quanto as fêmeas. Ele é parente do Órix da Arábia e vive em terrenos desérticos e pedregosos. Pode sobreviver sem água e apenas comer a escassa vegetação do deserto. É inativo nas horas mais quentes e geralmente se move entre o crepúsculo e o amanhecer.

  1. Dingo

É uma espécie de lobo típica da Australásia. É conhecido como “cão selvagem”, pois compartilha características de lobos e de cães. Acredita-se que sua aparência se assemelha aos antepassados ​​de nossos animais de estimação. A cor de seu manto pode ser amarela, avermelhada ou areia, eles vivem sozinhos ou em grupos, são muito territoriais, não latem, mas uivam muito.

  1. Coiote

Seu nome significa “cão latindo”. É um mamífero carnívoro que vive na América do Norte, especialmente no Canadá e no Norte dos Estados Unidos, e há uma subespécie, conhecida como “coite das montanhas da Califórnia”, que habita áreas do deserto com pouca vegetação e pouca água.

Coiote
Fonte: Justin Johnsen
  1. Urubu de cabeça preta

O abutre negro americano vive principalmente no Sul dos Estados Unidos, se alimenta de ovos e animais recém-nascidos. Ele usa sua visão nítida para conseguir comida, pode pesar até 2 kg e tem plumagem quase sempre negra. Prefere áreas baixas, com rochas e pedras.

Outros animais que vivem no deserto são: Falso camaleão, feneco, gerbilo, falcão peregrino e ouriço.

Fonte das imagens: Yathin S Krishnappa, Mostafameraji e Justin Johnsen.