Cães resolvem problemas mais rápido quando seus donos os incentivam

· janeiro 21, 2019
Além das habilidades de cada raça, influencia muito se os cães foram treinados com disciplina para certas funções. Ao mesmo tempo, é mais fácil para eles se o seu dono os orienta com comandos. 

Para alguns donos, as habilidades de aprendizagem de seu animal de estimação os surpreendem constantemente. É verdade que nem todos os cães são tão inteligentes, mas parece que, com a nossa ajuda, costumam resolver problemas mais rapidamente, se os encorajarmos.

A inteligência dos cães

Segundo Stephen Coren, pesquisador da Universidade da Columbia Britânica, um cachorro é tão inteligente quanto uma criança de dois a três anos.

Isso significa que nossos melhores amigos são capazes de entender muito além do que imaginamos, ou seja, os cães costumam resolver problemas.

Podemos não ter alguns futuros cientistas próximos a nós, mas foi demonstrado que eles são capazes de raciocínio complexo.

Este estudo também mostrou que os cães são capazes de compreender mais de 150 palavras distintas.

Foi provado que os cães também podem contar. Talvez eles não consigam resolver uma operação com frações, mas pelo menos contar até cinco eles contam perfeitamente.

Além disso, são capazes de realizar operações matemáticas básicas, como adição e subtração.

No entanto, embora todos os cães sejam capazes de aprender da mesma forma, nem todos têm a mesma capacidade. Foi provado que raças como Border Collie e Labrador Retriever são as mais inteligentes.

Este estudo, realizado em 2009, mostra que os cães geralmente resolvem problemas mais rapidamente quando o seu treinador ou dono os encoraja.

Cachorro correndo

Como ajudar os cães a resolver problemas mais rapidamente?

Nós já vimos que a raça influencia muito a inteligência de nossos cães, mas há algo mais que influencia o assunto.

Os cães são mais inteligentes e mais reflexivos, dependendo se são ou não tratados como animais de estimação.

Em um estudo de 2017, feito pela Universidade Estadual do Oregon, foi demonstrado que os cães de resgate pensam mais rápido do que aqueles que são apenas animais de estimação.

Isto porque os nossos pets muitas vezes não recebem um treinamento mais rigoroso.

O experimento consistia em fazer os cães encontrarem um recipiente de plástico com um prêmio dentro.

Para abrir o recipiente, uma corda foi amarrada à tampa, que quando aberta, revelava o prêmio. Porém, esse recipiente estava escondido, para aumentar a dificuldade do experimento.

No estudo foram usadas 15 diferentes raças de cães de estimação e 13 de cães de resgate, a fim de observar quais se sairiam melhor. Claro, os cães socorristas foram os vencedores.

Havia mais um detalhe neste teste: primeiro, eles fariam a busca sem o apoio de seu treinador, e então fariam o teste junto com seu treinador.

Um detalhe primordial é que o técnico não podia tocar ou auxiliar fisicamente o animal; eles só podiam fazer isso com palavras.

Os resultados

Para surpresa de muitos, os cães de resgate, quando fizeram o teste sozinhos, não se saíram muito bem.

Apenas dois deles conseguiram completar o teste. No final, três dos mascotes se saíram bem até a metade do experimento, porque nenhum deles conseguiu abrir a tampa do recipiente.

Cães de resgate

No entanto, quando o teste foi realizado em conjunto com os treinadores, as coisas mudaram. Apenas dois dos animais de estimação conseguiram completar o percurso até a metade, enquanto nove dos cães de resgate conseguiram completar o teste completamente.

De uma forma muito curiosa, os animais de estimação trataram o assunto simplesmente como uma nova brincadeira. No caso daqueles que foram treinados, eles levaram seu trabalho mais a sério.

Existem diferentes versões sobre por que isso acontece, mas a melhor é a seguinte. Se levarmos em conta seus primos mais próximos, os lobos, observa-se que eles cooperam uns com os outros para o mesmo fim.

Os cães, por outro lado, perderam esse senso de companheirismo e se tornaram seres independentes. Exceto pelo fato de terem se tornado muito dependentes dos seres humanos.

Por que os cães costumam resolver problemas mais rapidamente quando os encorajamos? Para eles, somos como o macho alfa, então, por nós os apoiarmos constantemente, causamos neles o mesmo efeito que os grunhidos e uivos de um lobo alfa.

Podemos concluir que a nossa presença para os cães não é apenas de uma simples co-dependência. Eles evoluíram para obedecer às nossas ordens, em troca de maior segurança. Eles podem não ser os seres mais inteligentes do planeta, mas certamente são capazes de grandes coisas.