Como as baleias dormem sem se afogar?

maio 21, 2019
As baleias respiram através do buraco no topo de suas cabeças quando sobem até a superfície da água. Isso significa que a baleia precisa estar acordada para respirar. Então, como elas dormem sem se afogar?

O modo de respiração dos cetáceos em geral e das baleias em particular é voluntário. Isso significa que, toda vez que tomam ar, fazem isso conscientemente, já que precisam sair da água para pegar o ar do lado de fora. Então, como as baleias dormem se precisam respirar? Como elas não se afogam?

Por um lado, as baleias têm que manter seu orifício controlado para não respirar na água e não se afogar. Mas elas também têm que ser capazes de subir à superfície e pegar ar para não se afogarem devido à falta de oxigênio.

Respiração dos mamíferos

Os mamíferos marinhos têm uma grande vantagem sobre os mamíferos terrestres, porque eles podem tomar mais ar a cada respiração, já que seus pulmões são proporcionalmente maiores. Além disso, eles trocam mais ar a cada inspiração e expiração e seus glóbulos vermelhos também carregam mais oxigênio.

Ao mergulhar, o sangue dos mamíferos marinhos viaja apenas para as partes do corpo que precisam de oxigênio: o coração, o cérebro e os músculos que nadam. A digestão e qualquer outro processo têm que esperar.

Por outro lado, esses animais têm uma maior tolerância ao dióxido de carbono. Seus cérebros não ativam uma resposta respiratória até que os níveis de CO2 estejam muito mais altos do que os mamíferos terrestres podem tolerar. Esses mecanismos são adaptações para viver em um ambiente aquático, e ajudam durante o processo de sono.

Respiração dos cetáceos

Assim, os cetáceos reduzem o número de respirações durante os períodos de repouso. De fato, alguns pesquisadores acreditam que uma baleia pode usar até 90% de seu ar ao inspirar, enquanto os humanos só podem usar cerca de 15%.

É assim que as baleias dormem

Os seres humanos respiram involuntariamente. Isso significa que respiramos sem pensar nisso. Temos um reflexo de respiração que começa quando estamos dormindo ou inconscientes. Podemos esquecer de respirar, por isso não paramos de respirar quando estamos dormindo. Mas o mesmo não acontece com as baleias.

O sono dos cetáceos é caracterizado por uma quantidade insignificante ou ausência completa de sono com movimentos oculares rápidos, e um grau variável de movimento durante o sono associado ao tamanho do corpo e um estado ocular assimétrico.

Na verdade, a maneira como as baleias dormem é incrível. Quando um humano está dormindo, todo o seu cérebro está ocupado dormindo. No entanto, ao contrário dos humanos, as baleias dormem com apenas metade de seus cérebros em repouso.

Assim, enquanto metade do cérebro permanece acordado para garantir que o animal respire e fique alerta para qualquer perigo em seu ambiente, a outra metade do cérebro dorme. Isso é chamado de sono uni-hemisférico de onda lenta.

Esse padrão também permite que as baleias continuem se movendo enquanto dormem, mantendo a posição em relação aos outros e permanecendo alertas em relação aos predadores. O movimento também pode ajudá-las a manter a temperatura corporal.

Como as baleias respiram?

As baleias são mamíferos e regulam a temperatura do corpo para mantê-lo em uma faixa específica. Na água, um corpo perde 90 vezes mais calor do que no ar. A atividade muscular ajuda a manter o corpo aquecido. Se uma baleia parar de nadar, ela poderá perder calor muito rapidamente.

Por outro lado, o local em que os cetáceos dormem varia de acordo com a espécie. Alguns descansam na superfície, outros nadam constantemente e outros até descansam abaixo da superfície da água.

Grandes baleias geralmente descansam na superfície por períodos de meia hora. Essas baleias respiram vagarosamente, com menos frequência do que quando estão ativas. Elas permanecem tão imóveis na superfície que parecem troncos gigantes flutuando na água.

No entanto, elas não podem descansar por um longo período de tempo, pois podem perder muito calor corporal enquanto estão inativas.

Conclusão

As baleias dormem. No entanto, elas não dormem como os humanos e outros animais, porque devem permanecer conscientes para satisfazer suas necessidades de oxigênio enquanto descansam no oceano e ficar alertas para os perigos.

Quando descansam, as baleias permanecem parcialmente conscientes para que possam reagir ao perigo e obter mais ar quando necessário. Seu corpo é projetado para permitir que ela prenda a respiração por longos períodos de tempo, minimizando a quantidade de energia que usa quando nada.

Além disso, o corpo das baleias também permite que elas flutuem quando estão na superfície da água ou próxima a ela, podendo assim descansar sem usar energia para se manter flutuando.

LYAMIN, O., MANGER, P., RIDGWAY, S., MUKHAMETOV, L., & SIEGEL, J. (2008). Cetacean sleep: An unusual form of mammalian sleep. Neuroscience & Biobehavioral Reviews32(8), 1451-1484. doi: 10.1016/j.neubiorev.2008.05.023

Lyamin, O., Mukhametov, L., Siegel, J., Nazarenko, E., Polyakova, I., & Shpak, O. (2002). Unihemispheric slow wave sleep and the state of the eyes in a white whale. Behavioural Brain Research129(1-2), 125-129. doi: 10.1016/s0166-4328(01)00346-1

Mead, J., & Gold, J. (2002). Whales and dolphins in question. Washington, DC: Smithsonian Institution Press.