5 diferenças entre viver com um gato ou um cachorro

Se o gato ou o cachorro é melhor para a convivência vai depender do estilo e gosto do tutor desses bichinhos.
5 diferenças entre viver com um gato ou um cachorro

Última atualização: 24 julho, 2022

Há um aforismo social, para rotular a discussão entre duas pessoas: “Aqueles dois se entendem como cão e gato”. Por que começamos com esta afirmação? Porque se, dado o caso, você decidir morar com um gato e um cachorro no mesmo teto, é importante saber que a convivência entre os dois é possível. A ideia de que eles brigam é mais um mito.

Agora, viver com um gato ou um cachorro não é sobre quem é melhor, mas qual dos dois animais de estimação é mais adequado às necessidades ou qualidades que uma pessoa procura. Vamos identificar algumas diferenças.

Benefícios de morar com animais de estimação

É inevitável negar que viver com um gato ou um cachorro é motivo para encher nossa casa de alegria. Você chega em casa do trabalho e é recebido com saltos, jogos de bola, lambidas e alguns arranhões. Estudos confirmaram que os animais de estimação trazem benefícios à saúde das pessoas, ajudam a melhorar o sistema imunológico e alguns outros benefícios psicológicos.

Principalmente as pessoas que convivem com cães ou gatos têm uma qualidade de vida mais saudável. São pessoas que sorriem mais, têm menos estresse e o ambiente em casa fica mais feliz. Se houver crianças envolvidas, a companhia de animais de estimação será uma aliada a favor do seu crescimento emocional e socialização.

Vitamina E em animais.

5 diferenças para descobrir se você prefere gato ou cachorro

Já sabemos que viver com um gato ou um cão tem múltiplos benefícios para o nosso bem-estar e, claro, para o ambiente em casa. Mesmo assim, vejamos algumas diferenças na convivência com cães e gatos:

  1. Os cães são animais que têm o hábito natural de viver em matilhas e em hierarquia. Isso os torna animais de estimação sociais e obedientes. Pelo contrário, os gatos são territoriais e solitários, ou seja, não seguem nenhuma regra.
  2. Quanto às suas necessidades sanitárias, os gatos são meticulosos na hora de fazer as suas necessidades. Eles fazem isso em sua própria arena ou onde ninguém pode vê-los. Enquanto os cães fazem isso em qualquer lugar, então você deve ter em mente que precisa limpar seus resíduos.
  3. Os cães são mais propensos a danificar móveis, sapatos e qualquer outra coisa para chamar a atenção. Por outro lado, os gatos têm outras formas de se distrair, sem precisar danificar a casa.
  4. Os gatos são caçadores naturais e isso pode representar uma ameaça para outros animais de estimação em casa. Enquanto os cães respeitam os outros animais e, mais ainda, quando são treinados para respeitar.
  5. Na hora do banho, os cães são submissos, a ponto de se tornarem muito brincalhões com a água. Por outro lado, para os gatos, a água pode ser um problema. Eles preferem fazer a própria higiene pessoal.

Curiosidades sobre a dieta

Outra qualidade que você pode levar em consideração ao tomar a decisão de morar com um gato ou um cachorro está relacionada à sua maneira de comer. Os cães são onívoros, o que representa para sua sobrevivência alimentos de origem animal e vegetal.

Por outro lado, os gatos são carnívoros por natureza e precisam de carne para sobreviver. Também é importante notar que os gatos tendem a comer mais do que os cães.

Convivência em pequenos espaços

Viver com um gato ou um cachorro em casas com espaços reduzidos pode se tornar uma dor de cabeça ou uma forma criativa de encaixá-los em seu ambiente. Os gatos podem pular e escalar, o que significa que você tem a opção de distribuir plataformas para gatos nas paredes.

Os cães não têm a mesma agilidade de movimento que os gatos têm. Os cães preferem o chão e com maior razão em um espaço pequeno como um apartamento. Neste caso, a melhor opção é ter camas pequenas para cães, que podem ser acomodadas na sala ou no quarto ao lado da sua cama.

Um cachorro e um gato se abraçam.

Com quem você fica?

Quer você decida viver com um gato ou um cachorro, também aceita uma grande responsabilidade em relação ao modo de vida de cada um. Suas necessidades físicas, a forma como se defendem e suas emoções são diferentes. Vocês passarão muito tempo juntos e, à medida que avançam na vida, tanto os latidos quanto os miados lhe trarão muita felicidade.

Pode interessar a você...
Como fazer uma cama para cães ou gatos com um casaco
Meus Animais
Leia em Meus Animais
Como fazer uma cama para cães ou gatos com um casaco

Neste artigo, vamos mostrar como fazer uma cama para seu cachorro ou gato, reciclando um casaco. Então, vamos lá, mãos à obra!