Comportamento do golfinho de Irrawaddy

agosto 11, 2019
Embora o seu nome seja derivado de um rio, o golfinho de Irrawaddy vive no litoral e nos estuários, ou seja, nas águas salgadas do sudeste asiático. Semelhante à beluga, ele nada muito lentamente e fica preso nas redes de pesca, o que está causando o seu rápido desaparecimento.

Este cetáceo marinho, que vive na costa e nos estuários do sudeste asiático, está em perigo de extinção, principalmente devido às mortes acidentais causadas pela pesca na região. Neste artigo, vamos falar sobre as características e o comportamento do golfinho de Irrawaddy.

Habitat dos golfinhos de Irrawaddy

Embora pelo seu nome pudéssemos pensar que esta é uma espécie encontrada apenas no rio Irrawaddy (que cruza o Mianmar e a China), o fato é que este golfinho é marinho e raramente é encontrado em águas doces.

Endêmico do sudeste asiático, pode ser visto no litoral e na foz de alguns rios, tais como o Ganges e o Mekong, embora prefira águas tropicais e subtropicais.

Os países nos quais o golfinho de Irrawaddy vive são: Austrália, Bangladesh, Mianmar, Camboja, Filipinas, Índia, Indonésia, Malásia e Papua Nova Guiné.

Características do golfinho de Irrawaddy

Semelhante a uma beluga, o golfinho de Irrawaddy – cujo nome científico é Orcaella brevirostris – é um cetáceo sem bico, assim como acontece com outras espécies da sua família.

A cabeça é arredondada e lisa e o seu corpo inteiro é cinza-azulado, com a barriga mais clara. Pode pesar entre 90 e 200 quilos e medir até 2,30 metros.

Características do golfinho de Irrawaddy

Tem uma barbatana dorsal triangular e duas barbatanas longas e largas na parte superior do tronco, e por isso é um nadador relativamente lento. Ele levanta a cauda apenas para dar mergulhos profundos.

Comportamento e reprodução do golfinho de Irrawaddy

Este golfinho vive em pequenos grupos com cerca de seis exemplares – no máximo, foram vistos grupos com 15 espécimes. Eles procuram alimentos em águas abertas e no fundo do mar.

A dieta do golfinho de Irrawaddy é composta principalmente por camarão, embora ele também possa consumir outros crustáceos, polvos e peixes. Quando comem, eles expelem a água ingerida através do orifício que têm sobre a cabeça.

Para se comunicarem uns com os outros, os golfinhos usam diferentes zumbidos ou ruídos com uma frequência de até 60 Khz.

Comportamento e reprodução do golfinho de Irrawaddy

Eles são um pouco tímidos e medrosos: eles podem mergulhar na água e permanecer submersos durante 15 minutos, sem voltar para a superfície para respirar. Se necessário, também conseguem nadar mais rápido do que de costume, podendo atingir os 25 km/h.

Reprodução

Para se reproduzir, o macho procura uma parceira no seu grupo e, quando a encontra, eles se entrelaçam de frente, encostando as barrigas. Depois da cópula – que dura menos de um minuto – eles se separam e partem em direções diferentes.

O período de gestação é de 14 meses e a fêmea dá à luz um único filhote, pesando cerca de 10 quilos, que é amamentado por dois anos. Eles só atingem a maturidade sexual entre os sete e os nove anos, e podem viver até três décadas.

Eles não costumam se aproximar dos barcos, mas às vezes ficam presos nas redes de pesca e, incapazes de subir para a superfície para respirar, acabam morrendo. Essa é uma das razões pelas quais o golfinho de Irrawaddy está em perigo de extinção.

Além disso, também podemos citar outros motivos: poluição da água, caça para espetáculos em parques aquáticos e baixas taxas de natalidade, tanto no habitat natural quanto em cativeiro.

Existem diferentes projetos e tratados para evitar que os golfinhos de Irrawaddy morram, pelo menos no que diz respeito aos homens e suas práticas.

Os pescadores, por exemplo, aprenderam a tirar suas redes da água sem esperar tanto quanto geralmente fazem, para que o cetáceo possa subir à tona e respirar.

  • Smith, B. D. (2009). Irrawaddy dolphin: Orcaella brevirostris. In Encyclopedia of Marine Mammals. https://doi.org/10.1016/B978-0-12-373553-9.00146-2