Conheça o macaco-pata

outubro 30, 2019
O macaco-pata é um primata pouco conhecido, apesar de ser uma espécie fascinante.

A biodiversidade presente no grupo dos primatas é enorme. Entre eles, é fácil encontrar animais fascinantes dos quais você provavelmente nunca ouviu falar e que inclusive foram pouco estudados em seu habitat. Um deles é o macaco-pata.

O macaco-pata é um animal muito pouco estudado que vive em vários países ao sul do deserto do Saara e que possui uma aparência e biologia peculiares.

Características do macaco-pata

No caso do macaco-pata, há um dimorfismo sexual acentuado entre machos e fêmeas, uma vez que os primeiros são muito maiores que os segundos. Os machos do macaco-pata podem ter o dobro do tamanho das fêmeas: variam dos 7 aos 13 kg, um peso que as fêmeas mal atingem, pesando entre 4 e 7 kg.

O macaco-pata é um primata com membros muito mais longos do que os de muitas outras espécies de macacos. Isso ocorre porque é um animal de grande velocidade, pois é considerado um dos macacos mais rápidos.

Sua coloração é muito característica, com dorso avermelhado e tons de branco nas partes inferiores, além de bigodes proeminentes – no caso dos machos – que lhe dão uma aparência muito interessante.

Comportamento do macaco-pata

O macaco-pata é um primata terrestre e diurno que, embora possa escalar com facilidade, geralmente é encontrado no chão. Sua estratégia de fuga é a corrida, já que é considerado o primata mais rápido.

Ele ganhou esse título porque é capaz de enganar muitos de seus predadores, incluindo os guepardos.

Os grupos de macaco-pata têm de 20 a 50 indivíduos, com um território de cerca de 50 quilômetros quadrados. Normalmente, os grupos de macaco-pata são constituídos por um macho e muitas fêmeas, embora na época do acasalamento mais machos se juntem ao grupo.

Mesmo assim, também existem grupos formados por vários machos.

O macaco-pata é um primata onívoro intimamente ligado à acácia, porque se alimenta de todas as partes desta árvore. Por outro lado, pode se alimentar de pássaros, artrópodes e até de algumas espécies de cactos.

Este animal possui dentes incisivos pequenos, por isso evita os alimentos duros e grandes e prefere sementes e frutos.

Macaco-pata na natureza

Informações sobre seu habitat

O macaco-pata vive em áreas bastante secas, longe das regiões mais selvagens. Este macaco é principalmente terrestre e habita savanas de acácia e até áreas semi-desérticas. Eles geralmente vivem em baixa altitude, mas populações foram encontradas a quase 2.000 metros.

Especificamente, este primata vive no Senegal, África Central, Chade, Tanzânia, Sudão, Congo, Uganda e Quênia.

Este animal não é uma espécie ameaçada e é considerado de pouca preocupação pela União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN). Mesmo assim, seus censos estão sendo reduzidos pela perda de habitat.

Além disso, essa espécie é caçada por comer colheitas e até porque acredita-se que sua carne cura a lepra, algo totalmente falso. A subespécie que habita a Tanzânia é a mais preocupante, pois perdeu um terço da sua população nas últimas décadas.

  • Hall, K. R. (1966). Behaviour and ecology of the wild patas monkey, Erythrocebus patas, in Uganda. Journal of Zoology148(1), 15-87.