O curioso voo do morcego

· dezembro 18, 2018

O morcego é o único mamífero capaz de se levantar do chão sem qualquer apoio externo e permanecer no ar de maneira controlada.

Além disso, seus movimentos imprevisíveis em ziguezague permitem-lhe evitar os seus predadores.

Quando falamos de animais estranhos e misteriosos, o morcego ocupa um lugar preferencial. Embora alguns possam acreditar que são pássaros, os morcegos são, na verdade, mamíferos. Neste artigo, falaremos mais sobre o voo do morcego.

Estes pequenos animais são caracterizados principalmente por serem os únicos mamíferos que podem voar sozinhos e controlar o voo.

A origem do morcego remonta há pelo menos 60 milhões de anos. Acredita-se que eles se desenvolveram a partir de um herbívoro que vivia nas árvores.

Características gerais dos morcegos

Este tipo de mamíferos tem uma aparência pouco simpática, que se assemelha a um rato alado.

Eles têm o hábito de voar à noite e emitem um grito bastante alto. Sua principal peculiaridade está no curioso voo que realizam.

Por isso, há muitos mitos e histórias sobre morcegos, mas quase nenhuma é totalmente verdadeira.

Os morcegos têm alguma ligação com vampiros? Combinando ficção e realidade, o cinema foi encarregado de espalhar este mito bem conhecido.

A maioria dos morcegos, tais como os comuns, o morcego-ferradura, os morcegos frugívoros e os morcegos gigantes, são completamente inofensivos.

Além disso, estas espécies são comumente encontradas na Europa. E até desempenham um papel fundamental na polinização, portanto, sua reprodução deve ser incentivada.

Além disso, os morcegos têm um modo de descanso que é inconfundível aos olhos de qualquer pessoa. Eles seguram suas pernas num apoio e se penduram de cabeça para baixo, enrolados firmemente em suas asas.

Morcego

Esses mamíferos têm costumes puramente noturnos. Dessa forma, uma vez que o sol se põe, eles deixam seus esconderijos e começam a voar. Às vezes, esses deslocamentos ocorrem em grandes grupos.

Características do curioso voo do morcego

O voo do morcego é muito interessante, entre outras coisas, porque não se parece em nada com o voo dos pássaros. Portanto, essa questão muito peculiar tem sido objeto de muitos estudos.

Os pássaros voam porque se desdobram na direção em que se movem. Em contraste, o morcego é caracterizado por ter um voo no qual eles permanecem ‘de pé’, oscilando e ‘caminhando’ em ziguezague. É uma maneira irregular de voar, com mudanças de direção imprevisíveis.

A velocidade com que os morcegos voam é notável e é frequentemente comparada à velocidade do voo de uma andorinha.

Por terem um voo irregular, eles obtêm algumas vantagens, pois é quase impossível localizá-los, até mesmo para os falcões, um dos seus principais predadores.

o voo do morcego: quase na vertical

O mais curioso sobre o voo desses animais é sua capacidade de voar às cegas. Sua visão é fraca e, no escuro, não os ajuda em nada. A questão é como eles voam sem enxergar.

O segredo do seu voo está em sua audição. Diferentes estudos provaram que os morcegos têm um sistema natural semelhante ao sonar que os barcos ou aviões costumam ter.

Durante a fuga, o morcego emite gritos extremamente agudos que nem o ouvido humano é capaz de captar. Eles são chamados ultrassons: sons que possuem um alto número de vibrações.

Graças a esses sons que emitem pela boca e nariz, os tons se estendem, tropeçam nos obstáculos e refletem sua percepção auditiva.

Os ouvidos sensíveis do morcego captam o eco dessa reflexão e podem identificar os obstáculos com muita precisão, mesmo se forem pequenos.

Maneira de alimentar o morcego

De acordo com estudos e pesquisas realizados por biólogos, a alimentação dos morcegos varia de acordo com a espécie. É conhecido que, para obter cada tipo de alimento, cada um tem um voo diferente em diferentes alturas.

Há seis tipos de espécies, que são as principais: insetívoros, carnívoros, piscívoros, frugívoros (que se alimentam de frutas), hematófagos (se alimentam de sangue) e nectarívoros (que se alimentam de pólen das flores).

Onde os morcegos vivem

Os morcegos podem ser encontrados em quase todas as partes do mundo, exceto em áreas frias e algumas ilhas oceânicas.

As espécies mais impressionantes e maiores são encontradas somente na América. Além disso, são as que podem medir mais de um metro.

Depois de investigar sua origem, concluiu-se que eles se originaram principalmente em áreas quentes. Portanto, os lugares onde você pode visualizar melhor este mamífero fascinante ficam nos trópicos.