O secretário: uma ave de rapina diferente

janeiro 24, 2019

De aspecto peculiar, as longas pernas do secretário lembram mais as de um grou, embora suas garras e bico deixem claro que é um grande predador. Além disso, é o único raptor terrestre do planeta.

Quando falamos de uma ave de rapina, todos pensamos numa águia: um pássaro poderoso, com um bico forte, tons marrons e pernas curtas, mas robustas.

No entanto, poucos sabem que há uma ave de rapina muito diferente das demais: o secretário, também conhecido como sagitário.

Uma ave de rapina terrestre

O pássaro secretário (Sagittarius serpentarius) é uma grande ave africana, que surpreende porque é a única ave de rapina que é principalmente terrestre.

Ela pertence aos accipitriformes, que inclui mais ou menos todas as aves de rapina diurnas.

No entanto, ele é muito particular. Como já mencionamos, é terrestre, que ganhou sua própria família taxonômica: o secretário é a única ave encontrada na família Sagittariidae.

O nome de sua família vem de seu descobridor, Vosmaer, que a achava parecida com um arqueiro.

No livro em que a descreve, ele menciona como alguns fazendeiros a domaram para cuidar das suas plantações, combatendo pragas. Mais tarde, outros naturalistas a achavam parecida com um secretário inglês, e daí surgiu seu nome.

Características do secretário

Esta ave de rapina é facilmente reconhecível, pois é uma espécie cujas pernas lembram mais um grou. Suas asas são pequenas e redondas, e também não parecem com as de um raptor.

No entanto, suas garras e seu bico não deixam dúvidas. Com uma altura de mais de um metro, tem uma plumagem acinzentada que assume tonalidades negras no tarsos, na cauda ou na plumagem que decora a sua cabeça.

o secretário, ou sagitário

Habitat do secretário

Esta ave de rapina só pode ser encontrada nas terras ao sul do Saara. Além disso, não é uma ave migratória e também vive em savanas e prados.

Estas aves são geralmente relacionadas com árvores como a acácia, onde costumam dormir à noite, uma vez que é uma ave muito mais ativa durante o dia.

Esta ave é muito admirada na África, tanto pela sua aparência quanto pelo seu valor para proteger as plantações, por isso, é chamada de “sela do diabo”. Geralmente, não é incomodada pela população local. E é até mesmo o emblema de países como o Sudão ou a África do Sul.

Seus descendentes geralmente são predados por outras aves, já que não defendem seus ninhos da melhor maneira.

Atualmente, continua a ter grandes populações na África, ainda que seja considerada uma espécie vulnerável.

conheça a ave de rapina: secretário

Comportamento do Secretário

Como a grande maioria das aves de rapina, o secretário é um grande caçador, embora ele cace no chão. Suas presas variam de insetos a lebres, embora possa consumir tartarugas, ratos, pequenos pássaros, ovos ou caranguejos.

Alguns secretários podem até caçar filhotes de guepardos ou gazelas, apesar de seu grande tamanho. Anteriormente, acreditava-se que eles só comiam cobras, embora seja verdade que eles cacem com habilidade e é por isso que os agricultores africanos os adoram.

Algo surpreendente é que foram vistos aproveitando queimadas para caçar presas desatentas. Sua “tática” é a seguinte: eles se posicionam em locais estratégicos, esperando que pequenos animais deixem as áreas em chamas.

Sua estratégia de caça consiste em pisar com suas poderosas e longas patas, que conseguem atordoar e até mesmo matar o animal sem necessidade de embutir suas garras.

Mesmo assim, seu poderoso bico também entra em ação, especialmente com animais mais perigosos.