Pônei: origem, características e curiosidades

· novembro 11, 2018

O pônei é o ancestral dos atuais cavalos, que são maiores e mais fortes. Esse pequeno equino se destaca por ser dócil e carinhoso. Além disso, é ideal para crianças, idosos e pessoas com deficiência.

Onde quer que o pônei esteja, ele atrai a atenção de crianças e adultos. Sua aparência massiva e relativamente pequena inspira simpatia.

Além disso, as crianças certamente sentem vontade de cavalgar nele imaginando que são cavaleiros experientes. Muitos adultos, no entanto, provavelmente se lembram de algum momento feliz da infância.

É raro as pessoas sentirem medo ao se aproximarem de um pônei. Pelo contrário, é um animal que atrai a todos. 

Devido à sua natureza pacífica, é um bom companheiro para crianças, idosos e pessoas com deficiência.

características do pônei

Características do pônei

  • O pônei é um cavalo pequeno. A Federação Equestre Internacional considera apenas o tamanho como um critério para considerar um cavalo como um pônei. As regras estabelecem que qualquer cavalo com uma altura não superior a 1,48 metro está dentro dessa categoria.
  • Bem treinados, eles são muito úteis para as crianças aprenderem a andar a cavaloApesar de seu tamanho, eles são muito fortes. Dessa forma, também são usados ​​para pessoas com deficiências, mesmo que sejam adultos.
  • Os pôneis de algumas raças apresentam características semelhantes às do nanismo: cabeça grande, costas compridas e pernas curtas. Na verdade, eles se parecem com cavalos anões. Há pôneis de outras espécies que se parecem com cavalos comuns quanto a seu formato. No entanto, mantêm suas proporções.

Origem do pônei 

Pesquisas mostram que o pônei está na origem dos cavalos atuais. Tudo indica que os primeiros cavalos eram pôneis.

No entanto, com os cruzamentos feitos na criação planejada, a seleção fez com que as espécies aumentassem de tamanho.

Animais maiores começaram a ser mais valorizados e considerados os melhores. Foram feitos cruzamentos que lhes permitiram alcançar maiores alturas.

Dessa forma, chegamos aos cavalos do tamanho que conhecemos hoje.

Raças de pôneis mais conhecidas 

  • Exmoor

É a raça mais antiga que conhecemos. Sua longa presença na Grã-Bretanha fez o país ser considerado como o local de origem da raça.

É um animal que prefere ambientes tranquilos, longe das grandes cidades. É muito resistente, independente e rústico.

Uma vez treinado, ele se torna dócil e afetuoso. Dessa forma, é uma boa raça para crianças e pessoas com deficiência.

Nos tempos antigos, o exmoor era usado como cavalo de tração nas fazendas. Mede 1,20 metro e difere de outras raças pelos seus músculos posteriores, que são muito fortes. 

É um animal de tom escuro e tem uma longa e abundante crina. 

  • Asturcón

O pônei asturcón habita o norte da Espanha, especialmente nas Astúrias. É também de origem selvagem.

Houve um tempo em que a raça estava em perigo de extinção. No entanto, foram implementadas medidas protecionistas que salvaram a espécie.

Seu bom caráter e sua docilidade tornam-no adequado para andar, especialmente em longas caminhadas. Também é eficaz em provas de tiro. Quando criado e treinado bem, é uma boa opção participar de competições.

O pônei Asturcón é forte e muito enérgico. Sua aparência geral é bem proporcionada. É um animal grande, que atinge a altura máxima para esse tipo de cavalo pequeno.

origem do pônei

  • Galês

O pônei galês foi usado para criar outras raças. Dele descendem o hackney, o hackm, o pole e o pônei das Américas. Dessa forma, todos eles têm sua genética.

Na natureza, são encontrados nas montanhas e são a maior das espécies. Devido à sua aparência elegante e proporcional, geralmente aparecem em exposições e competições estéticas.

É um pônei vencedor ao longo da história, um dos animais mais versáteis que o homem já conheceu. Por sua força, coragem, inteligência e docilidade, é a raça ideal para cavalgar.

  • Shetland

Originária do norte da Escócia, é uma raça muito forte e robusta, acostumada às adversidades do seu lugar de origem. Além disso, sua força o tornou adequado para o trabalho agrícola.

Atualmente, é um dos mais escolhidos para aulas de equitação para crianças.

Tem uma crina espessa e comprida e um manto duplo que o mantém aquecido. É a sua proteção natural contra as baixas temperaturas das ilhas Shetland. Dessa forma, ele resiste a intempéries de qualquer tipo.

No século 17, os pôneis eram os animais de estimação das crianças nobres. Entretanto, sua função e habilidade com os pequenos continua presente na imaginação popular.