Quantas espécies do pássaro rola existem?

Quantas espécies do pássaro rola existem?

Última atualização: 02 Janeiro, 2019

Há mais de 15 subespécies dessa ave, geralmente confundida com pombas, que são da mesma família.

As divergências são difíceis de observar, entretanto a rola é menos robusta que seu parente, o pombo.

A rola é parente direta dos pombos e bastante parecida com eles. Inclusive, assim como os pombos, ela está presente em quase todo mundo, tanto no campo como na cidade.

A seguir, falaremos sobre as diferentes espécies do pássaro rola.

Espécies de rola: quais você conhece?

No total, há mais de 15 espécies do pássaro rola, animal frequentemente confundido com os pombos.

As diferenças são quase imperceptíveis. Entretanto, alguns especialistas apontam que a rola possui o corpo menos robusto que o pombo. Abaixo, falaremos das espécies mais conhecidas:

1. Rola europeia

Seu nome científico é Streptopelia turtur (foto que abre este artigo) e habita não apenas na Europa, mas também na Ásia Central e no Norte da África. 

É uma ave migratória que prefere áreas urbanas, embora também possa ser encontrada em áreas florestais.

Sua principal característica é o ‘padrão’ laranja e preto de suas plumas, que parecem pintadas à mão. O resto de seu corpo é cinza, com exceção de uma marca negra e branca em seu pescoço. Além disso, ela tem olhos vermelhos.

A rola europeia mede menos de 30 centímetros e não pesa mais de 170 gramas. Sua voz é monótona e monocorde. 

Seu ninho é pequeno e todo ano a fêmea pode colocar ovos três vezes, com até dois a cada ocasião.

2. Rola turca

Seu nome científico é Streptopelia decaocto e ela é própria da Eurásia. Entretanto, ela também foi introduzida na América do Norte e na América do Sul.

É outra espécie de rola com tamanho médio, não passando dos 32 cm. Seu peso oscila entre as 200 g.

Rola comum

Sua plumagem é de cor bege grisalha com matizes rosadas no pescoço, peito e cabeça. Além disso, apresenta uma espécie de marca negra e branca na nuca.

Seu bico é negro, as patas são vermelhas e seus olhos são de uma cor vermelha escura que, de longe, parece preto.

A rola turca é sedentária e se adaptou a viver na cidade, fazendo seus ninhos entre as árvores, sobretudo coníferas.

A temporada de reprodução pode durar o ano inteiro, apesar de ser mais frequente entre março e outubro.

3. Rola de colar

Streptopelia roseogrisea é conhecida pelos humanos desde a antiguidade. Sua aparência pode lembrar a da Rola turca. 

Elas são muito dóceis e sua voz é muito suave, sendo produzida quando o ar dos pulmões vibra ao sair do corpo.

Rola de colar

Essa rola é de origem africana e também está presente na península arábica e nas Ilhas Canárias. Ela possui uma barriga mais pálida que as asas.

Inclusive, há algumas que são totalmente brancas. Entretanto, em todos os casos, a espécie possui um colar rosado cinzento.

4. Rola senegalesa

Ela é também chamada de Rola risonha, pois seu chamado parece uma “risada”. Ela pode ser encontrada principalmente em habitats de matagal e em desertos semiáridos da África, Oriente Médio e Ásia Central. Geralmente, ela se alimenta de cupins, besouros e sementes.

Rola senegalesa

Sua plumagem chama a atenção por ser laranja, marrom, amarela, vermelha e cinza, com um padrão distintivo que a diferencia de outras espécies de rolas e pombos.

Ela mede cerca de 25 centímetros e conta com uma cauda longa e fina.

Juntando-se em pares ou em pequenos grupos, o cortejo do macho inclui um balanço de cabeça, um chamado e um “arranque” das asas. 

A fêmea põe dois ovos por vez, geralmente em ninhos frágeis, construídos com galhos e arbustos baixos.

5. Rola torcaza

A última espécie de rola desta lista é conhecida por diferentes nomes. Ela habita na América do Sul, tanto em zonas urbanas, como em espaços abertos.

Geralmente constrói seus ninhos nas árvores e as fêmeas põem dois ovos, que eclodem por volta dos 14 dias.

Os machos possuem plumas azul-celeste na cabeça e rosa ou dourada no peito, enquanto que as fêmeas são completamente negras. 

Ambos os sexos cantam, entretanto os machos fazem isso com mais força e entonação. As fêmeas o fazem antes de alimentar suas crias.

Pode interessar a você...
Você sabia que existem mais de 300 espécies de pombos?
Meus AnimaisLeia em Meus Animais
Você sabia que existem mais de 300 espécies de pombos?

Existem mais de 300 espécies de pombos, além do "habitual" das áreas urbanas. Neste artigo, falaremos sobre alguns deles.