Razões pelas quais um gato bebe muita água

Se um gato bebe muita água, uma lista de doenças que causam micção excessiva deve ser descartada. Nessas condições, a sede se manifesta como uma resposta para compensar o excesso de água perdido na urina.
Razões pelas quais um gato bebe muita água

Última atualização: 03 Fevereiro, 2021

Se você notar que seu gato bebe muita água, preste atenção! Pode ser o primeiro aviso de um problema de saúde. A sede excessiva é conhecida pelo termo médico polidipsia. Associado a ela, ocorre o excesso de micção, denominado poliúria. Um gato não pode ter uma sem o outra.

A micção excessiva costuma ser mais perceptível para os tutores de animais de estimação do que a sede. Ambos podem ser a manifestação de uma doença metabólica subjacente. Ressalta-se que a sede excessiva também pode estar relacionada a estados de ansiedade ou estresse.

Como saber se o gato bebe muita água?

A recomendação mais simples é a comparação. Por isso, o segredo é a observação. O animal está constantemente procurando poças ou qualquer tigela de água? Se você acha que ele está bebendo mais água do que o normal, é recomendável consultar o veterinário.

É necessário ter em mente que os gatos bebem diferentes quantidades de água de acordo com a sua dieta alimentarSe eles tiverem uma dieta úmida, uma boa quantidade da sua ingestão de água estará contida em seus alimentos. Por outro lado, se a dieta consistir principalmente em ração seca, ele precisará de mais água.

Diabetes mellitus

Gatos com essa doença não são capazes de controlar seus níveis de açúcar no sangue. Isso resulta na elevação anormal de açúcar na corrente sanguínea. Nessa circunstância, quantidades substanciais de açúcar passam para a urina, pois os rins não são capazes de reabsorver tudo.

A quantidade de açúcar extra na urina induz aumento da perda de água – poliúria – que, por sua vez, leva à sede excessiva ou polidipsia secundária.

Diabetes mellitus

Curso da doença, diagnóstico e tratamento

A diabetes pode afetar qualquer gato, em qualquer idade. Outros sintomas incluem perda de peso, aumento do apetite e predisposição a infecções urinárias. Se essa doença não for tratada imediatamente, ela progredirá para o colapso, a desidratação, o coma e a morte.

Entre os fatores de risco para desenvolver essa doença estão a obesidade, o sedentarismo e até mesmo a genética. A diabetes pode ser diagnosticada por sintomas clínicos compatíveis e exames simples de sangue e urina. O tratamento consiste em injeções diárias de insulina sob a pele e monitoramento de rotina por um veterinário.

Razões pelas quais um gato bebe muita água: doença renal crônica

A insuficiência renal é uma doença muito comum em gatos. Ocorre quando a estrutura ou o funcionamento dos rins são alterados.

Os rins removem os resíduos do corpo. Além disso, são vitais para manter o equilíbrio da água e do organismo. Se os rins estiverem funcionando mal, a urina se dilui, aumentando a sua quantidade e, secundariamente, a ingestão de água.

Diagnóstico e tratamento

Essa doença também provoca diminuição do apetite, perda de peso, náuseas, vômitos ou diarreia e convulsões. É diagnosticada por exames simples de urina e sangue. A doença renal crônica é um processo progressivo, então o tratamento se baseia na tentativa de retardar a progressão e tratar quaisquer sintomas.

Diagnóstico e tratamento

Hipertireoidismo

Essa doença é endócrina, sendo mais comum em gatos mais velhos e geralmente se deve a um tumor em uma das glândulas tireoides. Ocorre quando as glândulas tireoides se tornam hiperativas e, consequentemente, produzem mais hormônio tiroxina.

Como esse hormônio regula a taxa metabólica, seu aumento causa sintomas como perda de peso, apetite exacerbado, aumento da frequência cardíaca e hipertensão.

Outro efeito menos conhecido do hipertireoidismo é o aumento da filtração pelos rins devido à hipertensão. Isso pode levar à desidratação e a uma polidipsia secundária para compensar.

Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico consiste em determinar os níveis de hormônios tireoidianos no sangue. O tratamento médico do hipertireoidismo inclui o manejo de doenças concomitantes, principalmente as do sistema cardiovascular.

Se um gato bebe muita água, você deve procurar a causa da sua desidratação

Existem outras causas possíveis de desidratação em gatos, incluindo a ingestão de alimentos secos ou salgados, superaquecimento ou sangramento de qualquer fonte. Outras condições comuns de desidratação são a inflamação da bexiga (cistite) e até tumores.

Pode interessar a você...
Quantos anos um gato vive? Descubra aqui!
Meus Animais
Leia em Meus Animais
Quantos anos um gato vive? Descubra aqui!

Ao adotar um gatinho, a pergunta que inevitavelmente nos fazemos é:" Quantos anos um gato vive?" Saiba mais sobre esse assunto!



  • Lappin, M. R. (2001). Polyuria and polydipsia: Overview and diagnostic plan. In Feline Internal Medicine Secrets Chapter 39 (pp. 181-183). Hanley & Belfus.
  • Delaney, S. J., & Fascetti, A. J. (2012). Basic nutrition overview. Applied Veterinary Clinical Nutrition. 1st edn. Eds AJ Fascetti, SJ Delaney. West Sussex, UK: John Wiley & Sons, 9-22.