Seu gato dorme demais?

dezembro 19, 2018
Doença, dor, estresse ou depressão podem ser a causa de um felino passar muitas horas dormindo.

Às vezes pode parecer que nosso gato dorme demais, para nós é como se ele passasse o dia todo dormindo. Quanto um gato tem que dormir? Por que eles dormem tanto? Vamos analisar estas e outras questões sobre o sono e o descanso dos gatos.

Quanto um gato precisa dormir?

Vai depender da idade, já que você já sabe que os filhotes dormem mais que os adultos. Mesmo assim, um adulto pode passar 16 horas por dia dormindo, então imagine o quanto um filhote vai dormir!

Estima-se que um filhote possa dormir mais de 90% do dia, entre 20 e 22 horas; ele só vai acordar para comer e beber.

No entanto, esta condição não durará muito, porque, depois de quatro semanas, essa porcentagem será reduzida para 60%, quase o mesmo de um gato adulto.

Este hábito de dormir muito vem de seus ancestrais selvagens. Os felinos têm uma grande habilidade quando se trata de caça, então para eles era uma tarefa fácil conseguir a comida para sobreviver.

Isso lhes garantia muito tempo livre, tempo que eles investiam em descanso.

Gato no colo de um idoso

sono dos gatos também depende muito do ambiente que o rodeia, porque você já sabe que a curiosidade do gato é algo inato neles, e se eles tiverem coisas para olhar em volta, dormirão menos do que quando estiverem sozinhos.

Além disso, o calor pode levar um gato a dormir demais. No entanto, mesmo tendo em conta todos esses fatores, você já sabe que os gatos passam a maior parte do dia dormindo.

Meu gato dorme demais?

Talvez até mesmo sabendo de tudo isso, você continue acreditando que seu gato dorme demais. Você poderia começar a cronometrar quanto tempo ele passa dormindo, bem como se o seu comportamento mudou.

Dizemos isso porque, se um gato dorme mais do que o estabelecido de acordo com a idade, isso pode indicar vários problemas:

  • Doença. Quando um gato está doente, como ocorre com todos os seres vivos, seu ânimo e energia ficam baixos, o que o leva a uma letargia que o mergulha em um sono profundo.
  • Dor. Embora, em muitos casos, a dor possa causar insônia, em outros ocorre o contrário, provoca sonolência. Isso fará com que o tempo passe mais rápido e, também, ela terá um efeito calmante sobre o animal.
  • Depressão. Um animal deprimido pode não querer fazer nada e passar o tempo todo dormindo para escapar do mundo ao seu redor.
  • Estresse. Você já sabe que os gatos estão propensos ao estresse quando passam por mudanças de rotina, como um movimento, a chegada de um novo membro na família ou um novo animal de estimação. Além disso, se você acabou de adotar o seu gato, ele pode ficar estressado até que se acostume com sua nova casa. Dê-lhe algum tempo e, se você vir que, uma vez que já passou algum tempo, ele ainda continua dormindo demais, não hesite em ir ao veterinário.
filhote de gato

Dormir demais é típico dos gatos!

Se um gato dorme demais, mas apresenta qualquer um desses sintomas, é normal. Mas essas situações não devem durar mais do que dois ou três dias.

Se persistir, o melhor é ir à clínica veterinária, para que o médico possa determinar as causas reais, a raiz do problema e, consequentemente, propor um tratamento.

Você já sabe que cada animal tem sua peculiaridade e dormir demais é típico dos gatos. Não se preocupe se não houver motivo aparente para se preocupar.

Deixe seu gato ter seus ciclos normais de sono. Mas, como sempre dizemos, ter um animal de estimação é uma responsabilidade.

A responsabilidade de cuidar dele inclui observar seu comportamento em todos os momentos, pois isso nos dará indicações de que algo não está indo bem, assim, teremos que agir rapidamente.