Spaniel Bretão: um cão versátil e muito carinhoso

· abril 26, 2018

O Spaniel Bretão é uma das raças de cães de caça mais conhecidas. Seu caráter doce e carinhoso lhe torna um grande cão de companhia. Eles são inteligentes, ativos e não desperdiçam a oportunidade de receber um carinho. Se você quer compartilhar sua vida com esse cão tão incrível, vamos lhe contar mais sobre a raça.

História

O nome da raça nos dá pistas da sua origem. “Spaniel” faz referência a um tipo de raças que surgiram com os caçadores espanhóis, e “Bretão” mostra que essa raça se desenvolveu na Bretanha francesa.

Cabe ressaltar que o Cocker Spaniel ou o Clumber Spaniel têm a mesma origem dos bretões, mesmo que depois cada um tenha de desenvolvido separadamente.

Spaniel Bretão

Fonte: Craig Pemberton

O Spaniel Bretão é um cão apontador, sendo a raça mais difundida na França para essa função. Acredita-se que seja uma das raças Spaniel mais antigas, pois no começo do século 20 seu padrão já estava definido, e por isso se programavam os cruzamentos para potencializar suas habilidades de caça.

Morfologia

É um cão de tamanho médio e não existem diferenças nas dimensões entre machos e fêmeas, já que medem e pesam o mesmo: entre 47 e 50 centímetros na cernelha e entre 15 e 18 quilos. É, portanto, a menor raça de cães apontadores.

Seu aspecto é de um cão compacto e de proporções harmoniosas. É robusto, mas não parece pesado. É ativo, rápido e ágil. Tem um olhar inteligente e parece estar sempre alerta. Sobre sua passada, é considerada ágil e decidida, e combina com suas patas grandes e estilizadas.

A cabeça é parecida com a de um Braco, com o crânio ligeiramente maior que a parte da frente do rosto. Sobre seu corpo, tem proporção quadrada, pois não tem as patas compridas nem curtas, e o corpo é delgado.

Por outro lado, o focinho é largo e sua cor depende da cor do pelo do cão.

Se prestarmos atenção nas orelhas, veremos que são triangulares, largas e curtas. Caem sobre a cabeça e se movem enquanto o cão está trabalhando.

Alguns dos Spaniel nascem com o rabo curto. Hoje, é ilegal em muitos países cortar o rabo dos cachorros, mas antigamente cortava-se a cerca de três centímetros da base.

Sobre sua pelagem, caracteriza-se por ser muito fina e pode ser lisa ou ligeiramente ondulada. O pelo é raso e curto na cabeça e no lombo, mas é abundante na parte inferior do rabo, das patas e do ventre.

Além disso, o Spaniel Bretão tem muitas variedades de cor. As mais frequentes são a branca e laranja, branca e preta e branca e marrom. Essas combinações podem aparecer com grandes manchas ou franjas.

É possível que apareçam três cores misturadas ou até a variedade fogo. Ou seja, em termos de cores, é uma raça muito parecida com o Setter Inglês, e com outros cães de caça.

Caráter do Spaniel Bretão

O Spaniel Bretão é um cão extremamente versátil. É um ótimo cão apontador, e é de fato uma das melhores raças de caça. No entanto, quando os caçadores se deram conta de sua personalidade, a raça começou a se tornar também um cão de família.

Os cães desta raça se caracterizam por sua inteligência. São fáceis de adestrar porque é um animal atento e que gosta de obedecer, mas vale ressaltar que sua aprendizagem se acelera se os castigos são abandonados e são utilizados métodos com base no reforço positivo. É um cão que pode desempenhar quase qualquer trabalho que lhe seja proposto.

O Spaniel Bretão é uma raça cheia de energia e, como tal, precisa de passeios longos e, sobretudo, como qualquer raça de caça, usar o olfato. Ele vai gostar de jogos de inteligência que estimulem seu olfato apurado, mais do que qualquer outra brincadeira.

Spaniel Bretão saltando um obstáculo

Fonte: Ron Armstrong

São cães muito dóceis, carinhosos e apegados aos humanos. Por isso, não perderão a chance de receber carinho e atenção. Por esse motivo, trata-se de uma excelente raça para se ter em uma família com crianças ou idosos, já que também são cuidadosos e pouco efusivos.

Vale ressaltar que devemos levar em conta que são cães extrovertidos que gostam da atenção de qualquer humano, mas não são os melhores guardiões de terrenos e serão amigos de qualquer pessoa que passe na rua. Portanto, eles têm um vínculo especial com a família, mas não rejeitam estranhos.

Cuidados

O Spaniel Bretão é uma raça muito saudável que não sofre de doenças hereditárias. No entanto, é preciso fazer revisões de saúde geral no veterinário, assim como manter a carteira de vacinação e desparasitação atualizada.

Como qualquer raça que passeie no mato habitualmente, é preciso prestar muita atenção na saúde das almofadinhas e orelhas. Além disso, é necessário um cuidado com os carrapatos e outros parasitas que podem atacar o cão, e com as farpas ou plantas que podem machucar e provocar infecções.

Como o pelo do Spaniel Bretão é muito fino, deve ser escovado com boas escovas quase diariamente, para retirar todo pelo morto e prevenir problemas de pele.

Fonte das imagens: Pharaoh Hound, Craig Pemberton e Ron Armstrong.