Traços comportamentais comuns das espécies de lobo

O gênero Canis compreende várias espécies de lobo que habitam o mundo todo. Essas espécies são divididas em diferentes subespécies em cada região, mas todas tendem a compartilhar certos traços comportamentais.
Traços comportamentais comuns das espécies de lobo

Última atualização: 14 Março, 2021

Existem diferentes espécies de lobo e todas pertencem ao gênero Canis, que inclui lobos-cinzentos, lobos-vermelhos, coiotes e cães domésticos. Cada espécie é única no sentido de que esses táxons divergiram evolutivamente uns dos outros e, de tempos em tempos, cruzaram entre si ao longo de sua história filogenética.

De qualquer forma, também existem características semelhantes entre esses grupos de canídeos. Todos eles vêm de um ancestral comum mais ou menos próximo, portanto, têm uma certa “carga genética” inerente que não pode ser eliminada. Com base nessa premissa, apresentamos a você alguns traços comportamentais comuns das espécies de lobo.

Quantas espécies de lobo existem no mundo?

O número de diferentes espécies de lobo foi drasticamente reduzido, devido à caça e à destruição de seu habitat. Atualmente, a existência do lobo nas proximidades de áreas rurais continua a ter um estigma social, mas os projetos de conservação permitem proteger e reintroduzir espécies e subespécies.

Existem várias espécies de lobo em todo o mundo. Algumas são endêmicas de certas regiões, enquanto outras tem uma distribuição mais heterogênea. Até a presente data, o lobo-cinzento, o lobo-vermelho e o coiote são considerados espécies diferenciadas. A seguir, vamos apresentar suas particularidades e semelhanças.

O lobo-cinzento (Canis lupus)

É a espécie mais conhecida, já que mais de 20 subespécies derivam do lobo-cinzento, divididas em todo o mundo. Algumas são endêmicas de certas regiões, como o lobo-ibérico ( Canis lupus signatus ) na Península Ibérica.

Eles são os maiores espécimes da família dos canídeos, exceto por algumas raças de cães domésticos. As fêmeas pesam de 18 a 55 quilos e medem cerca de 1,50 metros. Os machos são mais altos e pesados e podem atingir até 80 quilos. Sua pelagem é longa e varia do branco, passando pelo cinza e marrom, até um manto preto escuro como carvão.

O lobo-cinzento é um animal social: forma grupos familiares de 5 a 8 membros liderados por um casal líder. Além disso, esses cães são animais territoriais, já que uma matilha pode cobrir cerca de 200 quilômetros quadrados. As matilhas evitam os limites de seu próprio território para evitar o encontro com outras.

Um lobo-cinzento.

O lobo-vermelho (Canis rufus)

O lobo-vermelho tem um tamanho intermediário entre o lobo-cinzento e o coiote. Habita algumas áreas dos Estados Unidos, do México e do Canadá. Apesar do nome, a pelagem avermelhada é mais característica das populações mais orientais, especialmente as do Texas. Além de seu tamanho, essa espécie se distingue do lobo-cinzento por seu corpo mais estreito e suas orelhas e pernas mais finas.

Essa espécie tem hábitos noturnos e vive em matilhas, mas estas são menores que os do lobo-cinzento. Os grupos geralmente são formados por um casal líder e seus filhotes de diferentes idades. Eles também caçam em sociedade e defendem conjuntamente certos territórios.

Esses canídeos selvagens são geneticamente aparentados com os coiotes e também compartilham o habitat, por isso não é incomum ver cruzamentos entre as duas espécies.

Um lobo-vermelho deitado.

O coiote (Canis latrans)

Os coiotes são comuns em toda a América do Norte. Atualmente, as populações estão no auge, diferentemente da situação ameaçada das outras espécies de lobos.

O coiote é um animal menor do que as espécies anteriores, pois mede cerca de 80 centímetros e chega a pesar no máximo 20 quilos. Sua pelagem também é mais clara que a de seus congêneres, com uma coloração marrom acinzentada no corpo, amarelada na parte inferior e mais escura na cauda.

Tem orelhas proeminentes e eretas e não tem uma pelagem comprida e densa ao redor do rosto, o que caracteriza o lobo. Ao contrário de outros lobos, o coiote é um animal bastante solitário que só se reúne durante a época de reprodução com outros membros de sua espécie. Os coiotes são animais monogâmicos e acasalam durante toda a vida.

As ninhadas são grandes e os pais cuidam dos filhotes e preservam o seu território. São animais bastante adaptáveis ao meio ambiente e aos recursos disponíveis, pois caçam todos os tipos de pequenos animais, incluindo insetos e anfíbios. Eles também comem frutas, grama e carniça.

Como as outras espécies de lobo, o coiote também é capaz de caçar em matilhas. Eles se comunicam por meio de vocalizações, pois são reconhecidos a quilômetros de distância por seu uivo particular.

Um coiote olhando para a câmera.

Esses são alguns dos comportamentos comuns em várias espécies de lobos, mas é necessário considerar que também existem muitas diferenças entre elas. O fenômeno da especiação dá aos animais vários mecanismos adaptativos, já que cada ecossistema exerce diferentes pressões seletivas sobre os seres vivos.

Pode interessar a você...
O lobo cinzento: 7 características e comportamento
Meus AnimaisLeia em Meus Animais
O lobo cinzento: 7 características e comportamento

O lobo cinzento, também chamado de 'comum', é o mais comum em todo o mundo, embora seu habitat tenha sido reduzido significativamente nos últimos anos.



  • National Geographic. Estos lobos son especies únicas y fundamentales, 2019.
  • Boitani, L., Phillips, M. & Jhala, Y. 2018. Canis lupus The IUCN Red List of Threatened Species, 2018.
  • Mech, L. D. Canis lupus. Mammalian Species, (37), 1, 1974.
  • National Geographic. Lobo rojo, 2018.
  • National Geographic. Coyote, 2010.
  • Raúl Valadez,  Alicia Blanco, Bernardo Rodríguez. El coyote (Canis latrans) dentro del universo mesoamericano, 2008.