Tubarão-touro: habitat e características

· abril 28, 2019
Uma das peculiaridades do tubarão-touro é que ele é uma das 43 espécies de tubarões que podem viver tanto em água doce quanto em água salgada.

O tubarão-touro é uma das espécies mais conhecidas de tubarões. Venha saber um pouco mais sobre ele neste artigo, incluindo seu habitat e suas principais características.

Seu nome varia bastante de acordo com o local em que é encontrado. Ele também é conhecido como tubarão-do-zambeze ou tubarão-cabeça-chata. A comunidade científica o chama de Carcharhinus leucas.

Esse animal tem uma figura robusta e um focinho largo e plano. Além disso, é uma das 43 espécies de tubarões que podem viver tanto em água salgada quanto em água doce.

Junto com o grande tubarão branco e o tubarão-tigre, o tubarão-touro completa o trio de tubarões com maior probabilidade de atacar humanos. Embora o ataque de tubarões seja bastante raro, esta espécie é conhecida como o pitbull do mar por seu comportamento agressivo.

Hábitos alimentares do tubarão-touro

Tubarão-touro em seu habitat

A dieta do tubarão-touro é composta principalmente por peixes ósseos e pequenos tubarões. Na área do Atlântico ocidental eles geralmente se alimentam de salmonete, pirapema, peixe-gato, robalo, carapau e calunga.

Eles também consomem raias e tubarões jovens, incluindo pequenos tubarões de sua própria espécie, quando se aventuram em partes rasas usadas como áreas de reprodução.

É comum que comam tartarugas marinhas, golfinhos, caranguejos e até mesmo certas aves marinhas. Eles são considerados tubarões preguiçosos. Entretanto, são capazes de dar rajadas rápidas de cerca de 19 km/h para capturar presas pequenas e ágeis.

Qual é o habitat natural do tubarão-touro?

Esses animais são caçadores de migrantes, localizados em diferentes áreas geográficas, incluindo oceanos, rios e até mesmo lagos de água doce. Normalmente tendem a permanecer em águas quentes e moderadamente profundas, variando entre 30 e 150 metros de profundidade.

É, como vimos anteriormente, uma das poucas espécies que se movem facilmente para a água doce e pode passar longos períodos de tempo nela.  No entanto, eles se reproduzem em água salgada, em habitats marinhos.

Essa facilidade de passar da água salgada para a água doce ocorre mesmo quando são muito jovens e usam áreas rasas como áreas de reprodução. Além disso, eles também são capazes de tolerar água hipersalina.

Distribuição geográfica

Esta espécie de tubarão é encontrada principalmente em águas costeiras tropicais e subtropicais ao redor do mundo. Além disso, também é encontrada em sistemas fluviais e em alguns lagos de água doce. Alguns desses animais já foram vistos no rio Amazonas, no Peru, e no rio Mississippi, em Illinois (EUA).

Os tubarões-touro migram para o norte ao longo da costa dos Estados Unidos, geralmente durante o verão. Eles nadam até Massachusetts e depois voltam para climas tropicais, quando as águas costeiras esfriam.

Esses grandes espécimes preferem os oceanos Atlântico, Índico e Pacífico, enquanto seus rios favoritos são Brisbane, Amazonas, Ganges, Brahmaputra, Potomac e Mississippi. Eles estão sempre em rios, especialmente se tiverem uma saída para o mar. É relevante notar que não houve nenhum ataque conhecido em humanos nestes rios.

Distribuição do tubarão-touro

Características gerais desse animal

O tubarão-touro tem apenas 50% de concentração de sal no sangue, portanto, pode mudar para água salgada com muita facilidade. Curiosamente, produz 20 vezes mais urina ao nadar em água doce.

Além disso, eles atingem a maturidade entre 15 e 20 anos e sua expectativa de vida conhecida é de 25 anos. O tamanho de um exemplar adulto pode variar entre 2,1 e 3,5 metros de comprimento. O macho adulto pesa cerca de 95kg enquanto as fêmeas pesam aproximadamente 130 kg.

Geralmente, as fêmeas são maiores e mais longas e, na maioria dos casos, vivem por cerca de 17 anos. Os machos, por outro lado, vivem em média 13 anos.

A primeira barbatana dorsal é grande e triangular, origina-se ligeiramente atrás da inserção peitoral e não há crista intercostal. Além disso, seu focinho é muito mais curto do que a largura da boca, e bastante arredondado.

Seus olhos são muito pequenos, o que significa que a visão não é muito importante para ele. Afinal, é um animal que costuma se mover por águas barrentas ou de baixa visibilidade. 

Tem tons que variam de cinza escuro a cinza pálido, que cai para um tom quase branco na parte inferior. Além disso, suas mandíbulas podem alcançar até 245 centímetros, e seus dentes são largos, triangulares e irregulares.

Outros fatos interessantes sobre o tubarão-touro

O tubarão-touro não é uma espécie procurada pelas empresas de pesca, e é considerado o tubarão mais perigoso do mundo.

O tamanho grande deste tubarão, sua capacidade de se adaptar à água doce e sua proximidade dos assentamentos humanos fazem dele uma ameaça potencial.