Dicas para escolher um hamster e primeiros cuidados

Dicas para escolher um hamster e primeiros cuidados

Última atualização: 22 Março, 2021

O hamster é um animal pequeno e tranquilo, que não ocupa muito espaço e não requer cuidados excessivos. Por isso, é um dos animais de estimação mais solicitados nas lojas especializadas, principalmente quando se está à procura de um primeiro amigo peludo para as crianças ou se vive em uma casa pequena.

Algumas informações sobre esse simpático animal de estimação

Essa subfamília de roedores, conhecida com o germanismo hamster, começou a se popularizar como animal doméstico em meados do século XX.

Embora exista um grande número de raças, os exemplares mais comuns e sociáveis são os douradas. Também chamados de sírios, são ideais para crianças porque não são agressivos. Porém, dada a fragilidade dessas criaturas, você deve alertar seu filho para tratá-las com muito cuidado.

Dentre as principais características físicas desses animais, destacam-se nas bochechas grandes bolsas onde armazenam alimentos. Curiosos e ativos, esses animais tendem a interagir bem com as pessoas se forem acostumados desde pequenos ao contato com os humanos da casa.

Dicas para adquirir um hamster

Quando for adotar um hamster, você deve prestar atenção na aparência do animal, pois é um bom indicador de sua saúde. Um animal saudável se move com agilidade, seu pelo deve parecer fofo e seus olhos devem ser escuros e brilhantes. Espécimes muito magros provavelmente apresentam algum tipo de doença.

Outras dicas para ter em mente ao escolher esses bichinhos fofos são:

  • O chamado hamster sírio é o mais fácil de cuidar, por isso é recomendado para iniciantes ou crianças.
  • São animais que costumam viver felizes na companhia de seus pares, mas se adaptam facilmente à solidão. Nesse caso, é preferível adotar um macho, pois eles têm um caráter mais adaptável.
  • Se você optar por ter mais de um, e a menos que queira que eles tenham filhotes, escolha hamsters do mesmo sexo.

Os cuidados necessários desses pequenos roedores

Ao cuidar de um hamster, lembre-se das seguintes dicas:

  • Proporcione a ele uma gaiola grande e ventilada. Coloque uma casinha para o animal dormir, além de um comedouro e um bebedouro. Na base, coloque bastante serragem.
  • Para deixar os seus dias mais divertidos e aptos para a prática de exercícios, recomenda-se introduzir brinquedos na gaiola. As rodas, por exemplo, são muito comuns.
  • Você também deve fornecer itens para que ele possa roer, já que seus dentes estão crescendo continuamente.
  • Ofereça uma alimentação variada, baseada em pequenas quantidades de frutas, vegetais, cereais e carnes, em menor proporção. Uma ração específica para esses animais também é uma excelente alternativa.

Em todo caso, não se esqueça de consultar o veterinário sobre a forma mais adequada de encarar o cuidado desses animais peludos. O profissional poderá orientar você com maior precisão e, claro, poderá oferecer produtos que facilitarão sua tarefa.

“Os hamsters mais comuns e sociáveis são os dourados. Também chamados de sírios, são ideais para crianças porque não são agressivos”

Outras coisas a se considerar sobre os hamsters

Outro aspecto que precisa ser considerado é a idade do hamster. Como eles vivem em média de dois a três anos, o ideal é adquirir animais jovens. Lembre-se também de que você deve supervisionar as saídas da gaiola, pois fora delas eles podem facilmente sofrer acidentes. Além disso, esses pequenos roedores podem deixar marcas dos seus dentinhos por todos os lados.

Quando esses bichinhos fofos chegarem em casa, não se preocupe se notar que eles ficam dormindo boa parte do dia. Como bons roedores, eles têm hábitos noturnos. Embora não sejam barulhentos, é uma questão de avaliar que costumam acordar quando, geralmente, vamos dormir.

Além disso, você deve prestar atenção aos seguintes sinais, que podem indicar uma possível doença e que exigem que você procure o veterinário:

  • Secreções do nariz ou olhos.
  • Espirrar ou tossir.
  • Umidade no rabo.
  • Pele avermelhada.
  • Inatividade.
  • Falta de apetite.
  • Diarreia ou prisão de ventre.

Concluindo, o hamster é uma excelente opção para uma criança ter sua primeira experiência com um animal de estimação. É um animal divertido, inofensivo e fácil de cuidar. Claro, requer alguns cuidados básicos. Será uma ótima experiência para o seu filho gradualmente incorporar responsabilidades.

Pode interessar a você...
Por que os hamsters correm na roda?
Meus AnimaisLeia em Meus Animais
Por que os hamsters correm na roda?

Se há uma imagem que nos vem à cabeça quando falamos de hamsters, é a do animalzinho dando voltas em uma roda. Mas por que os hamsters fazem isso?