O gambá e sua reputação de cheirar mal

janeiro 27, 2019
O cheiro que ele exala é um mecanismo de defesa para evitar ser atacado por grandes predadores. Ele o emite através de uma secreção de suas glândulas anais.

Não é difícil cruzar com um em alguma estrada. Certamente, se estiver próximo, seu mau cheiro permitirá detectar sua presença antes mesmo de vê-lo. 

O gambá realmente apresenta um mau cheiro característico, pelo menos para nós, seres humanos.

Sua aparência atraente e amigável é neutralizada pelo mau cheiro que o caracteriza. Como muitas vezes acontece na natureza, esse aroma desagradável tem um propósito.

Vida de gambá

  • O gambá vive principalmente em terras americanas, mas também é encontrado, embora em menor número, em outros continentes.
  • É um animal mamífero e onívoro, possuindo uma dieta variada. Seus alimentos favoritos são roedores, insetos, ovos e mel; eles também comem frutas e outros vegetais.
  • As maiores populações de gambás são encontradas em áreas onde há muitos roedores. Eles desempenham um papel muito importante no controle de “pragas”.
  • Eles vivem em tocas que cavam no chão com suas fortes patas dianteiras.
  • São animais solitários, difíceis de encontrar em dupla ou em grupo. Eles só se aproximam de outros seres da mesma espécie na época do acasalamento.
  • As fêmeas mantêm seus jovens com eles em suas tocas. Quando os pequeninos crescem, eles partem em busca de seu próprio destino.
  • Existem várias espécies de gambás, embora seus estilos de vida sejam semelhantes.
gambá fêmea

Por que o gambá cheira tão mal?

Esse cheiro tão penetrante e desagradável é o sistema de defesa do animal. Aparece quando o gambá se sente ameaçado, assustado ou preso. Quando ele pensa que está em perigo, ele lança um jato pelas suas glândulas anais.

A grande pressão com a qual o líquido é expelido permite que ele alcance mais de quatro metros de distância. Desta forma, eles se defendem contra predadores e humanos que queiram prejudicá-los.

Com este sistema de defesa, consegue afastar animais grandes e poderosos, como os ursos. Esta capacidade de pulverização de longas distâncias, juntamente com a velocidade de fuga e sua capacidade de se esconder, o mantêm seguro quando o ambiente é hostil.

Como eliminar o mau cheiro do gambá?

Uma pessoa que tenha recebido um “banho” do gambá em suas roupas, sua mochila ou no carro, vai ficar com fedor de podre. O mau cheiro também circulará se o gambá tiver impregnado o bichinho da casa.

Não é fácil eliminar aquele cheiro que parece se instalar no nariz e que nada consegue fazer desaparecer. Pode permanecer em roupas, tapetes e até mesmo na pele, e ficar lá por meses, então, você precisa agir rapidamente.

gambá

  • Uma sugestão muito comum é lavar o item afetado com suco de tomate. É uma solução transitória, pois apenas mascara o cheiro, que reaparece.
  • A exposição ao ar e ao sol ameniza a intensidade do cheiro. Os raios ultravioletas contribuem para neutralizá-lo.
  • Outra boa estratégia é lavar a área impregnada com água e sabão neutro e, em seguida, borrifar vinagre diluído em água (uma parte de vinagre em cinco de água).
  • Bicarbonato de sódio misturado com peróxido de hidrogênio e sabão líquido é uma excelente solução. Esta mistura pode ser usada em objetos e na pele de pessoas e animais.

É provável que seja necessário repetir o procedimento mais de uma vez. Também é conveniente alternar métodos; ventilar os quartos também contribui para eliminar o cheiro.

Mitos sobre a substância que o gambá libera

Não é tão sério quanto parece: o cheiro é apenas isso, mau cheiro. Existem aqueles que acreditam que os gambás estão espalhados pelo mundo pulverizando todos que cruzam seu caminho, mas a realidade não é essa.

A capacidade de emitir a substância odorífera é limitada; os gambás só têm o suficiente para pulverizar cerca de cinco vezes. Quando sua reserva estiver esgotada, levará até seis dias para recuperá-la.

Se o líquido cair nos olhos, basta lavá-los com bastante água. Talvez a irritação dure um tempo, mas o mito de que o gambá pode causar cegueira não é real.

Há até alertas sobre a arma líquida do gambá: quando você vir a cauda do gambá se elevando, é melhor se afastar.