Os melhores filmes sobre cavalos

agosto 7, 2019
Confira uma lista com alguns dos melhores filmes sobre cavalos que o cinema já produziu.

Para o bem e para o mal, a relação do homem com os equinos vem de longe, e o cinema não iria perder a oportunidade de contar essas histórias, muitas vezes épicas e bordadas por séculos. É por isso que hoje queremos listar alguns dos inúmeros filmes sobre cavalos que já chegaram às telonas.

Você conhece esses filmes sobre cavalos?

Escolher cinco filmes entre os muitos que foram filmados sobre esses animais não é uma tarefa fácil.

No entanto, acreditamos que os escolhidos abordam o tema da relação entre humanos e cavalos a partir de diferentes perspectivas e, por diferentes razões, atraíram a atenção do público quando foram lançados.

Mar de Fogo (2004)

O grande Viggo Mortensen interpreta Frank T. Hopkins. Apesar de ser considerado o melhor cavaleiro do extremo oeste, ele sobrevive no circo de Buffalo Bill.

Em 1890, ele recebe o convite de um xeique árabe para participar de uma corrida conhecida como Mar de Fogo com seu cavalo mustang, chamado Hidalgo, percorrendo quase 5.000 quilômetros através do deserto da Arábia.

Hopkins aceita o desafio pensando na possibilidade de salvar da morte um grande número de mustangs que, supostamente, estavam colocando em risco os negócios de alguns agricultores.

O filme foi dirigido por Joe Johnston.

Propomos uma viagem por alguns dos muitos filmes sobre cavalos que o cinema nos proporcionou ao longo dos anos.

O Corcel Negro (1979)

Em 1946, o menino Alec (Kelly Reno) e um cavalo árabe chamado The Black são os únicos sobreviventes de um naufrágio. Ambos desenvolvem um laço inquebrável enquanto esperam para ser resgatados de uma ilha deserta.

Já nos EUA, um treinador interpretado por Mickey Rooney irá prepará-los para participar de diferentes corridas de cavalos. Desta forma , o cavaleiro e o cavalo conseguem várias vitórias.

O filme, que teve uma sequência, é considerado um clássico que atrai crianças e adultos. Além de destacar sua fotografia, ele teve a produção de Francis Ford Coppola e a direção de Carroll Ballard.

O Cavaleiro Elétrico (1979)

O Cavaleiro Elétrico (1979)

Dirigido pelo renomado Sydney Pollacko filme conta a história de Sonny Steel (Robert Redford), um campeão de rodeio que sobrevive como garoto-propaganda de uma marca de cereais de um cassino em Las Vegas.

No entanto, quando é forçado a usar um traje cheio de lâmpadas e montar em um cavalo drogado, o cavaleiro se rebela e foge para o deserto com o animal com a ideia de libertá-lo.

Atrás deles vai uma jornalista (Jane Fonda) interessada na história. Como você já deve supor, surge um romance improvável entre os protagonistas humanos desse filme.

Seabiscuit (2003)

O cavalo do título era um puro-sangue inglês que ganhou fama ao vencer a chamada “corrida do século” em 1938, contra todas as probabilidades.

Neto do melhor puro-sangue do século passado, Seabiscuit começou sendo sparring de um vencedor da Tríplice Coroa. Mas uma mudança de jockey e treinador fez com que ele se destacasse na segunda metade da década de 1930.

Depois de uma lesão nos ligamentos, que pressagiava a sua retirada do mundo equestre, o animal conseguiu se recuperar e – para a surpresa de muitos – vencer a corrida de maior prestígio nos EUA, Santa Anita Handicap.

Tobey Maguire, Jeff Bridges e Chris Cooper são os protagonistas humanos deste filme dirigido por Gary Ross e indicado a sete Oscars.

O Encantador de Cavalos (1998)

O Encantador de Cavalos (1998)

Mais uma vez Robert Redford está envolvido em filmes sobre cavalos. Neste caso, além de atuar, ele se coloca atrás das câmeras para dirigir uma história que destaca como animais e humanos podem se curar mutuamente.

Um treinador de cavalos particular assume a difícil tarefa de recuperar Pilgrim, um cavalo que foi ferido e traumatizado após um terrível acidente.

Ele também ajuda Grace, a adolescente que o montou e perdeu uma perna no mesmo evento. Scarlett Johansson e Kristin Scottt Thomas completam o elenco deste filme baseado em um romance homônimo de Nicholas Evans.