O que os ouriços terrestres comem?

Saber o que os ouriços terrestres comem é essencial, pois algumas espécies estão conquistando espaço no âmbito dos animais domésticos.
O que os ouriços terrestres comem?

Última atualização: 02 Novembro, 2021

Os ouriços são mamíferos simpáticos, bonitos e muito reservados. Seus espinhos e sua personalidade rabugenta conquistaram o coração de muita gente e, por isso, cada vez mais exemplares de certas espécies desse grupo são mantidos em cativeiro (principalmente a espécie Atelerix albiventris). Saber o que os ouriços terrestres comem é essencial para cuidar deles.

Embora esses animais sejam bonitos e pequenos, deve-se notar que nem todas as espécies de ouriços podem ser mantidas em cativeiro. Na verdade, algumas são consideradas potencialmente invasoras e outras são protegidas por lei. Se você deseja saber mais sobre a alimentação e os cuidados com esses pequenos mamíferos, recomendamos que continue lendo.

O que são os ouriços?

Antes de explorar as opções dietéticas dos ouriços, achamos interessante descrevê-los de um ponto de vista taxonômico. O termo “ouriço” é usado para descrever todos os mamíferos que são membros da subfamília Erinaceinae (família Erinaceidae). Sites profissionais estimam que existam apenas 17 espécies desses mamíferos divididos em 5 gêneros diferentes.

Os ouriços são facilmente distinguíveis de outros mamíferos, pois suas marcas registradas são os espinhos dorsais que carregam (feitos de queratina). Ao contrário dos espinhos encontrados em porcos-espinhos, os do ouriços não se soltam facilmente do corpo do mamífero. Eles só caem em indivíduos adultos quando estão doentes ou sob forte estresse.

Em geral, os ouriços têm uma pelagem marrom ou canela acompanhada de uma barriga mais clara. O focinho é bastante desenvolvido e pontiagudo, o que reflete que são especialistas em seguir pistas e explorar o ambiente terrestre. Suas orelhas são de tamanho variável, mas a espécie Hemiechinus auritus se caracteriza por ter as maiores orelhas do grupo.

Existe apenas uma espécie de ouriço que é relativamente estável em cativeiro: Atelerix albiventris. Sua posse é legal em alguns lugares, mas em outros países esse mamífero é proibido devido à sua condição de espécie invasora.

Muito poucas espécies de ouriço são legais como animais de estimação. Em algumas regiões, a lista é reduzida a 0.

Você sabe como os ouriços se comportam?

O que os ouriços comem?

A grande maioria dos ouriços vive na natureza, mas alguns espécimes estão começando a ser mantidos em cativeiro. Por isso, respondemos o que os ouriços comem de acordo com o ambiente em que se encontram. Não perca!

O que os ouriços selvagens comem?

Conforme indicado pelo site Animal Diversity Web, os ouriços são onívoros. Em todo caso, eles têm uma dieta muito mais voltada ao consumo de insetos e outros invertebrados: caracóis, grilos, lesmas, aranhas, besouros, abelhas, formigas, baratas e mariposas são a base de seu cardápio.

Além dos invertebrados, os ouriços também se alimentam ocasionalmente de rãs, pequenas cobras, sapos, ovos de pássaros, carne em decomposição, fungos, raízes de plantas, frutas e sementes. São oportunistas e algumas espécies (como A. albiventris) apresentam admirável resistência às toxinas, pois podem comer escorpiões e cobras venenosos sem sofrer efeitos nocivos.

Esses mamíferos são eminentemente noturnos e têm uma capacidade impressionante de correr (atingem até 220 metros por hora), nadar e escalar superfícies. Eles passam as noites procurando comida em cantos e pedras, por isso geralmente são muito ativos se a temperatura ambiente permitir.

O que os ouriços comem em cativeiro?

Alimentar um ouriço em cativeiro pode ser um problema para o tutor a longo prazo. Muitas regiões não oferecem ração específica para esses animais, então a ração para gatos jovens costuma ser usada. O problema é que esse alimento contém muita gordura para um mamífero desse tamanho, então é muito normal que o ouriço acabe desenvolvendo obesidade.

A isso devemos acrescentar que, idealmente, um ouriço deve sair de sua gaiola (pelo menos 1 metro de comprimento) cerca de 2-3 horas por dia, melhor se for tarde da noite ou nas primeiras horas da manhã. Como esse horário é muito chato para muitos tutores, eles acabam não exercitando o animal tanto quanto é necessário.

Para que um ouriço seja saudável, é necessário fornecer-lhe um alimento específico e levá-lo para passear pela casa o maior tempo possível. A seguir, mostramos a você a dieta selecionada para esses mamíferos por fontes veterinárias profissionais:

  1. A base da dieta desses animais deve ser a ração específica para ouriços. Se não for possível, você pode usar ração dietética para gatos, mas não é o ideal. Alimentos que contenham mais de 5% de gordura devem ser evitados.
  2. Insetos vivos devem ser oferecidos aos ouriços regularmente. O ideal é que o animal coma cerca de 5 invertebrados vivos por semana (grilos, tenébrios e baratas). Os insetos têm que estar bem alimentados e sempre é preciso comprá-los em lojas especializadas.
  3. Frutas e vegetais frescos podem ser oferecidos sempre que desejado. Muitos ouriços rejeitam esses tipos de alimentos, mas aqueles que os aceitarem serão muito mais saudáveis.

Todo ouriço doméstico deve comer comida viva de vez em quando. Isso complica muito a manutenção adequada do animal, pois muitos tutores não estão dispostos a manter grilos ou baratas em casa para alimentar o mamífero. Em qualquer caso, é algo necessário que não pode ser esquecido.

Um ouriço terrestre.

Ouriços e cativeiro

Manter um ouriço em um apartamento é uma tarefa muito complexa. O animal deve ser alimentado com presas vivas de vez em quando, deve se exercitar por muito tempo à tarde e à noite, e é um mamífero muito propenso à obesidade (independente da espécie). Além disso, o ouriço africano é regularmente afetado por uma doença fatal, o que adiciona outra complicação aos seus cuidados.

Devido à endogamia (às vezes ilegal), muitos ouriços africanos nascem com uma patologia neurodegenerativa que termina em desastre em todos os casos: a síndrome do ouriço bambo. Devido a sua delicada saúde, seus requisitos específicos e sua situação legislativa, é muito difícil recomendar um desses mamíferos como animal de estimação.

Pode interessar a você...
A síndrome do ouriço bambo
Meus Animais
Leia em Meus Animais
A síndrome do ouriço bambo

A Síndrome do Ouriço Bambo, ou Wobbly Hedgehog Syndrome (WHS), é uma doença degenerativa do sistema nervoso. Saiba mais sobre ela.