Características do tigre-de-sumatra

O tigre-de-sumatra vive na ilha tropical ameaçada pelo desmatamento causado pelo homem. Ele é um verdadeiro sobrevivente.
Características do tigre-de-sumatra

Última atualização: 01 agosto, 2022

O tigre-de-sumatra é um dos felinos mais ameaçados do mundo. A perda de habitat é a principal ameaça a este belo e majestoso animal, apesar de ser altamente protegido. Além disso, este tigre tem características próprias que o tornam único e o distinguem do resto dos felinos que habitam a Terra.

Qual é o modo de vida desse felino? O que o distingue de outros tigres? Por que está em perigo de extinção? Contaremos tudo isso e muito mais nas linhas a seguir.

Habitat e modo de vida do tigre-de-sumatra

Nas profundezas das selvas da ilha indonésia de Sumatra, vive um terrível predador que está no topo da cadeia alimentar. Outrora abundante nas terras desta enorme ilha tropical, seu habitat foi bastante reduzido pela pressão humana.

Infelizmente, o tigre-de-sumatra (Panthera tigris sumatrae) é um animal criticamente ameaçado (CR), de acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN). É uma subespécie do tigre conhecida por todos, animal que também está ameaçado.

Estima-se que cerca de 400-500 indivíduos habitam os parques nacionais da Indonésia, desde a selva de planície do Parque Nacional Bukit Barisan Selatan até as florestas montanhosas do Parque Nacional Gunung Leuser.

Nesses locais, apesar da proteção ambiental, a destruição da selva é uma realidade. Além da perda da selva, estima-se que cerca de 66 tigres tenham sido mortos por caçadores furtivos nos anos 2000, tornando a caça por humanos uma grande ameaça para esse felino.

Um tigre de Sumatra escondido.

Características do tigre-de-sumatra

O mais importante dessa subespécie de tigre é que ela tem características próprias que a diferenciam dos tigres do continente. Entre eles, encontramos o seguinte:

  • Os tigres-de-sumatra são a menor subespécie existente de tigre. Isso permite que eles se movam mais facilmente pela densa selva que constitui seu habitat.
  • Suas listras verticais características são um pouco mais abundantes e mais finas que as dos tigres continentais.
  • Sua barba é mais desenvolvida que a de outros tigres. Essa diferença é especialmente perceptível no sexo masculino.
  • Apesar de tudo isso, provavelmente sua característica mais marcante é a presença de uma membrana entre os dedos. Essa membrana os torna excelentes nadadores, uma habilidade que eles usam ao levar suas presas terrestres para a água.
  • Em termos de peso e medidas, os machos medem em média 2,30 metros da cabeça à cauda e pesam cerca de 120 quilos. Já as fêmeas medem 2,20 metros e pesam em média cerca de 90 quilos.

Todas estas características distintivas são consequência de um processo de especiação que, embora lento, continua a ocorrer até hoje. Como o tigre-de-sumatra vive em uma ilha – isolado de outros tigres – sua população é facilmente diferenciada de outras espécies do continente.

Estilo de vida e aliemntação

O tigre-de-sumatra é, acima de tudo, um animal carnívoro. Esses felinos são predadores solitários, caçando à noite e perseguindo suas presas com grande discrição, antes de finalmente atacá-las pelas costas ou pelos lados. Seu aguçado senso de audição e visão poderosa os tornam predadores temíveis.

Como outros felinos, eles têm o hábito de marcar seu território arranhando e marcando o cheiro. Isso serve para garantir que ele não terá competidores, embora as fêmeas possam entrar e sair sem nenhum problema.

Suas presas preferidas geralmente são javalis e veados, mas às vezes também caçam pássaros, peixes ou até animais maiores e mais mortais, como crocodilos ou rinocerontes. Nada escapa das garras deste felino.

Reprodução

O tigre-de-sumatra é capaz de se reproduzir em qualquer época do ano. O período de gestação dura cerca de 103 dias, após os quais dão à luz uma ninhada de 2 a 4 filhotes. Esses pequeninos são criados em tocas, mas não saem delas até um mês de idade. Depois disso, passarão os dois primeiros anos com suas mães, antes de se tornarem independentes e começarem sua vida solitária.

Conservação do tigre-de-sumatra

As características únicas desta subespécie – e o fato de estar altamente ameaçada em seu ambiente natural – fazem desse felino uma prioridade para programas de conservação.

O tigre-de-sumatra é o único representante vivo da subespécie de tigre que habitava as ilhas da Indonésia, como o tigre de Javan ou Bali. Por esta razão – e porque o tigre-de-sumatra é considerado prestes a ser uma nova espécie – a conservação deste felino é importante.

A ilha de Sumatra está passando por um processo gravíssimo de desmatamento, para obter plantações de açúcar, borracha e dendê. Como consequência, os tigres-de-sumatra perdem seu habitat, então sua população está em claro declínio de acordo com os dados mais recentes, que mostram uma perda de 40% dos tigres nos últimos 40 anos.

Os tigres precisam de uma área de muitos quilômetros quadrados de selva para sobreviver, o que atualmente só é possível em parques nacionais.

Um grupo de tigres de Sumatra.

Como você já deve ter visto, o tigre-de-sumatra é uma subespécie de tigre com características únicas e altamente ameaçada pela destruição da selva, por isso deve ser alvo de programas de conservação. Não podemos nos dar ao luxo de perder mais biodiversidade.

Pode interessar a você...
Diferenças entre o tigre-de-bengala e o tigre-siberiano
Meus Animais
Leia em Meus Animais
Diferenças entre o tigre-de-bengala e o tigre-siberiano

As diferenças entre o tigre-de-bengala e o tigre-siberiano se baseiam no tamanho e na coloração. Além disso, cada um tem seu habitat.



  • Linkie, M. (2008, 30 junio). The IUCN Red List – Sumatran Tiger. IUCN Red List of Threatened Species. https://www.iucnredlist.org/species/15966/5334836
  • Wibisono, H. T., & Pusparini, W. (2010). Sumatran tiger (Panthera tigris sumatrae): A review of conservation status. Integrative Zoology, 5(4), 313-323.
  • Esmeralda, P. M. (2004). Manual de crianza artificial del tigre de bengala (Panthera tigris tigris) en el Zoológico Guadalajara.