Gato exótico: você conhece essa espécie tão curiosa?

março 30, 2019

Pode parecer estranho que uma raça felina seja chamada de “gato exótico”. Normalmente, os gatos têm um nome adicional relacionado ao local de origem ou alguma característica específica. Entretanto, esse gato é tão bonito que não precisa de mais descrições.

Descubra tudo sobre o gato exótico

Características

O gato exótico é um híbrido do gato de pelo curto americano e do gato de pelo curto inglês com gatos persas.  Por isso possui uma variedade tão grande, tanto na pelagem como nas cores e formas.

Para chegar a esta maravilhosa raça, que alcançou grande popularidade nos últimos anos, cruzamentos também foram realizados com o gato azul russo e os birmaneses.

De qualquer forma, esses gatos se destacam por causa de suas pernas curtas e seus pelos curtos e densos, mas muito macios, como os dos persas. Muitos dizem que esta raça tirou o melhor das raças a partir das quais foi “criado”.

As cores do seu manto podem ser branco, preto, azul, vermelho, creme, dourado, chocolate, lilás, prata, malhado, bicolor, chita e himalaia. Mesmo que apresentasse outro tom, mas tivesse todas as características físicas do gato exótico, essa cor poderia ser aceita.

Sua cabeça é redonda e maciça, e seu corpo é muito atlético e arredondado. Geralmente mede cerca de 30 centímetros de altura e pesa entre 3,5 e 6 quilos. Sua cauda é curta e de ponta arredondada, ao contrário da caudas do persas, que são longas, estreitas e peludas.

Gato exótico

Caráter e personalidade

O gato exótico é muito calmo, embora seja um pouco mais ativo que os persas. Muito brincalhão e carinhoso, é ideal para estar com crianças e outros animais de estimação. Ele é muito familiar, adora dar e receber amor, mimos e carinho.

Você também pode se interessar: Demência senil em gatos: sintomas e tratamento

Não é solitário, mas também não apresenta um caráter independente, como outros felinos. Dessa forma, sempre gostará de sua companhia ou de qualquer outro membro da família. Entretanto, este não é um gato que você pode deixar sozinho por um longo tempo.

Ele é um gato paciente e calmo, equilibrado em seus atos e movimentos, um companheiro de vida ideal que estará sempre presente para você.

Claro, você terá que dar bastante atenção a ele, pois ele vai ser um animal de estimação que vai reivindicar sua atenção e não se contentar com apenas estar ao seu lado. Por isso, você vai precisar brincar e passar momentos inesquecíveis com ele.

Uma característica desses felinos que agrada a muitas pessoas, especialmente quem vive em apartamentos, é que eles não miam. Não que sejam mudos, pelo contrário, é que sua natureza é silenciosa.

Você também pode se interessar: Como as mudanças de temperatura afetam os gatos?

Apesar de serem tranquilos e sossegados, apresentam de forma intensa uma peculiaridade dos gatos: a curiosidade. Esses gatos são mais curiosos do que o normal, então a diversão, se você observar suas aventuras, será garantida.

Filhote de gato exótico

Cuidado e saúde do gato exótico

O destaque de sua saúde é que, devido ao seu rosto achatado, tem tendência a lacrimejar e  ter manchas perto dos olhos.

Sua respiração às vezes se torna agitada porque houve um estreitamento nas passagens nasais. Ele também pode sofrer de seborreia oleosa, más oclusões dentárias, micose ou doença renal policística.

Embora seu pelo tenha a suavidade e a exuberância dos persas, não precisa de tanto cuidado, porque é curto. Mesmo assim, a escovação diária é recomendada para eliminar os pelos mortos. Limpar os olhos diariamente também será necessário devido à sua tendência de lacrimejar.

E lembre-se, o gato exótico é um felino que precisa de exercício e movimento para ser saudável e, portanto, é essencial para sua saúde.

Além disso, não há com o que se preocupar. Basta cuidar do seu animal de estimação com todo o amor e carinho que ele precisa, e desfrutar de suas travessuras!