6 curiosidades sobre os crocodilos

Os crocodilos são répteis impressionantes, com uma armadura feita de ossos e queratina capaz de resistir até mesmo a tiros. Por mais arcaicos que possam parecer, eles encerram peculiaridades inesperadas.
6 curiosidades sobre os crocodilos

Última atualização: 17 Abril, 2021

Os crocodilos podem parecer lagartos monstruosos à primeira vista, mas eles são muito mais do que esse mero preconceito. Na verdade, eles nem sequer são lagartos e estão mais intimamente relacionados a outros animais, como as aves. Os crocodilos são animais verdadeiramente fascinantes, sobre os quais se pode contar inúmeros fatos curiosos.

A seguir, contaremos algumas das características mais interessantes desses répteis, que estão presentes na Ásia, África, América e Austrália. Se você quiser saber mais sobre eles, continue aqui conosco.

Os fatos mais curiosos sobre os crocodilos

Atualmente, existem 24 espécies que representam a ordem dos crocodilos, as quais estão divididas em 3 famílias. Embora todas geralmente sejam chamadas de “crocodilos”, são bastante diferentes umas das outras. Nas linhas a seguir, explicaremos algumas das particularidades desses animais.

1. Diversidade passada

Atualmente, todos os crocodilos ocupam aproximadamente o mesmo nicho ecológico. Eles são grandes predadores semiaquáticos que se escondem debaixo d’água para capturar suas presas. Todos têm uma aparência muito semelhante devido aos seus hábitos e, além disso, apresentam um número relativamente baixo de espécies representativas.

No entanto, nem sempre foi assim. Os crocodilos e seus parentes governaram o planeta antes do aparecimento dos dinossauros. Nessa época, podiam ser encontrados crocodilos terrestres que caçavam suas presas em fuga, crocodilos totalmente marinhos com nadadeiras e até espécimes com armadura, como a de um tatu.

Somente após a extinção em massa que eliminou a maioria deles, os sobreviventes foram relegados aos hábitos semiaquáticos que os caracterizam hoje.

As curiosidades sobre os crocodilos são múltiplas.

2. Crocodilos, dinossauros e aves

Embora pareça inacreditável, aves e crocodilos são parentes próximos. Ambos são arcossauros, um dos grupos mais importantes de répteis, em oposição aos lepidossauros – lagartos e cobras – e às tartarugas.

Essa relação pode ser mais facilmente compreendida quando se leva em consideração os outros arcossauros. Nesse grupo também estão os pterossauros e os dinossauros, cuja relação com os crocodilos é mais evidente, pois são mais parecidos. As aves nada mais são do que dinossauros altamente derivados, o que explica seu parentesco.

3. Capazes de usar ferramentas

Exatamente por não serem lagartos convencionais que os crocodilos apresentam tantas características curiosas. Uma das mais impressionantes é sua grande inteligência, até recentemente ignorada pelos zoólogos do mundo todo. Um dos indicadores mais claros dessa inteligência é o uso de ferramentas.

Como exemplo disso, algumas espécies de crocodilos colocam galhos na cabeça como isca durante o período em que os pássaros constroem seus ninhos. Assim, eles conseguem pegar os pássaros que vêm buscá-los, sem perceber que há um predador mortal embaixo.

4. Ótimos comunicadores

Embora muitas vezes esquecidos, os crocodilos são animais bastante sociais, usando sinais visuais, químicos e especialmente acústicos para se comunicar. Isso começa antes mesmo da eclosão dos ovos: dentro deles, os filhotes começam a emitir sons para se comunicarem entre si e com a mãe.

Os crocodilos ou jacarés são especialmente vocais e fazem sons muito diferentes para expressar ameaça, estresse ou outras funções sociais. Algumas das mais espetaculares são suas canções infrassônicas, inaudíveis para as pessoas, que servem para defender territórios de outros homens e atrair as fêmeas.

5. Uma mordida impressionante

Os crocodilos têm a mordida mais poderosa de todo o reino animal – excluindo os dinossauros e outros animais extintos. O crocodilo de água salgada é o mais poderoso de todos, com uma mordida de 16 460 newtons. Para efeito de comparação, leões e tigres atingem apenas 4450 newtons, cerca de um quarto da força.

Esse poder, no entanto, só é impressionante ao fechar a boca, pois o movimento de abertura é bastante fraco. Isso ocorre porque esses animais estão especializados para um método de caça muito específico.

Os crocodilos estão preparados para fechar bem a boca, prendendo a sua presa e não a deixando escapar em hipótese alguma, a fim de arrastá-la para as profundidades aquáticas, onde morrerá afogada. Se isso falhar, eles também são capazes de girar sobre si mesmos rapidamente, arrancando assim a parte do animal ao qual estão presos.

6. Determinação peculiar do sexo

Nos mamíferos e nas aves – assim como em outros táxons animais – o sexo é determinado pelo tipo de cromossomos que a prole herda de seus pais. Porém, esse não é o caso em todos os animais, e os crocodilos são um exemplo disso.

Para os crocodilos, o sexo de um filhote depende principalmente da temperatura em que ele foi incubado. Por exemplo, no jacaré-norte-americano, a incubação a 30 graus produz principalmente fêmeas. Em contrapartida, a incubação a 33 graus quase sempre produz machos.

Isso se deve às proteínas envolvidas na formação das gônadas, que são sensíveis à temperatura e funcionam de maneira diferente dependendo dela.

Ovo e crocodilo.

Os crocodilos são realmente interessantes, inteligentes e complexos. Esse fato tem sido historicamente esquecido, talvez por causa de seu aspecto aparentemente arcaico ou por causa da dificuldade de estudá-los, mas novas pesquisas têm descoberto curiosidades cada vez mais fascinantes sobre eles.

Pode interessar a você...
Dragões barbudos: você já ouviu falar deles?
Meus Animais
Leia em Meus Animais
Dragões barbudos: você já ouviu falar deles?

Os dragões barbudos são pequenos e simpáticos lagartos que ganharam grande popularidade como animais de estimação nas últimas décadas.