Urso panda-vermelho: comportamento e habitat

setembro 2, 2019
O urso panda-vermelho vive nas florestas de bambu do Himalaia e é uma das espécies mais ameaçadas do planeta devido à destruição de seu habitat.

O urso panda-vermelho vive nas montanhas do Nepal, Myanmar e na China central. Atualmente, é uma das espécies, junto com o urso panda, mais ameaçadas do planeta.

Apesar de seu nome e aparência, que poderia nos lembrar a de um guaxinim, o panda-vermelho é uma espécie única – independente das duas anteriores – pertencente ao gênero Ailurus e à família Ailuridae.

Características do urso panda-vermelho

O urso panda-vermelho tem aproximadamente o tamanho de um gato, sem contar com o fato de que o seu rabo pode adicionar 46 centímetros ao comprimento total de seu corpo. Seu peso varia entre três e seis quilos.

Espécie de panda

Ele é marrom avermelhado, exceto em suas pernas e barriga, que são pretas. Seu rabo é rodeado por faixas brancas e vermelhas, enquanto a borda das orelhas, bochechas, focinho e as manchas que têm em seus olhos são brancas, o que lhe dá um olhar semelhante ao do guaxinim.

Este mamífero tem uma expectativa de vida de até 14 anos em cativeiro, e atualmente faz parte de programas de conservação em muitos zoológicos ao redor do mundo.

O principal problema é a destruição do seu habitat e a caça ilegal, sendo os dois motivos principais pelos quais ele está em perigo de extinção.

Onde ele vive e do que se alimenta?

Em seu estado natural, encontra-se nos bambuzais do Himalaia, entre 1500 e 4800 metros de altitude. Seu habitat está encolhendo devido ao desmatamento, à agricultura e pecuária, que devastam as florestas onde vivem. Estes também são fatores que afetam o seu homônimo, o panda.

O urso panda-vermelho ama bambu. Trata-se de uma parte muito importante da sua dieta.

Embora pertença à ordem dos carnívoros, é preferencialmente vegetariano, pois come principalmente frutas, raízes, brotos, líquens e folhas de bambu, embora também seja capaz de capturar insetos, vermes e até mesmo pequenos vertebrados.

Como curiosidade, esta espécie desenvolveu um gosto pelo sabor doce, como confirmado pelo Monell Chemical Senses Center em seu estudo sobre genes de receptores doces em várias espécies de mamíferos.

O urso panda-vermelho mostra uma preferência pelo sabor das moléculas adoçantes da sucralose, neotame e aspartame.

Características do panda-vermelho

Comportamento do urso panda-vermelho

É uma espécie arbórea: tem o osso do pulso tão desenvolvido que até parece um polegar. Isso permite que ele suba facilmente nas árvores, sendo muito ágil na hora de passar de uma árvore para outra.

Ele usa as árvores para dormir, construir seu ninho e fugir dos predadores. O leopardo-das-neves é uma das suas principais ameaças.

Panda andando em galho de árvore

São animais tímidos, de hábitos noturnos e solitários, exceto na temporada de acasalamento, em que se pode observar que os machos fazem curtas vocalizações de uma única sílaba: “wha”.

O panda-vermelho delimita seu território marcando o perímetro com suas secreções, que contêm um forte cheiro almiscarado, para informar outros espécimes a respeito da sua presença.

O período de gestação das fêmeas é de cerca de 115 dias, e elas geralmente têm entre um e quatro filhotes – nascidos cobertos de pelos e cegos – por ninhada, embora costumem ser dois. Eles constroem seus ninhos nas árvores, refugiados de possíveis predadores.

Filhote de urso

A mãe é completamente responsável pelo cuidado e alimentação da prole, que permanece cerca de 90 dias dentro da toca. Os machos não possuem muito interesse ​​em seus descendentes.

Outro fato curioso é que a palavra inglesa fire fox é um dos nomes que essa espécie recebe, e o logo do navegador de Internet de mesmo nome costuma causar confusão. A mesma palavra também é usada em chinês para nomear a raposa-vermelha e o panda-vermelho. No entanto, o logotipo do Firefox é baseado na raposa-vermelha, e não no panda.