Origem do cão Samoieda, uma das raças mais antigas do mundo

· abril 4, 2019
O Samoieda é caracterizado por seu lindo pelo branco e um aspecto que o faz parecer sorridente o tempo todo. É uma raça que se distingue das outras e que acompanha a humanidade desde tempos imemoriais.

Estima-se que o cão Samoieda exista há cerca de 3.000 anos. Nesse período, a raça teria ajudado os nômades da Sibéria no pastoreio de rebanhos, ao puxar trenós e na caça de outros animais. Sua capacidade de suportar temperaturas muito baixas foi decisiva para sua sobrevivência até hoje.

Esta raça possui esse nome  pois descende dos cães que acompanharam as migrações das tribos dos Samoiedos, que viviam na Sibéria e cujas origens remontam à pré-história.

Além disso, restos ósseos foram encontrados no norte da Europa, comprovando que são herdeiros da robustez dos lobos do norte. Isso os torna perfeitos para tarefas complicadas em climas extremos.

De acordo com esses restos, sua pele tinha uma camada interna muito densa que a protegia das temperaturas congelantes.

Também tinham uma camada externa de pelos longos e levemente ásperos que repeliam o excesso de água e a neve.

Além disso, apresentava uma abundância especial de pelos no tórax e no pescoço como proteção adicional aos órgãos vitais. Esse recurso ainda é preservado hoje.

A cauda possuía a quantidade ideal de pelos para proteger a boca do frio caso  precisasse dormir ao ar livre.

Eles também tinham o tamanho perfeito das orelhas, o que impedia seu congelamento, e um comprimento nas pernas ideal para manter seu corpo a uma distância segura da neve.

Você também pode se interessar: Animais com as maiores garras

Cão Samoieda, um viajante de longas distâncias

Devido à distância dos locais onde o cão Samoieda se desenvolveu, esta raça é considerada uma das mais puras. Ela mantém qualidades de serviço e adaptabilidade no ambiente doméstico

Ernest Kilburn-Scott foi responsável por sua expansão para fora da Rússia. O homem levou  um Samoiedo chamado Sabarka para a Inglaterra como presente para sua esposa.

Em seguida o casal adquiriu uma fêmea e assim começou a reprodução dos samoiedos na Inglaterra e no resto da Europa.

Em 1902, uma princesa belga visitou São Petersburgo e ficou impressionada com os exemplares de Samoieda que viu.

Em seguida, ela emigrou para os Estados Unidos e levou consigo os quatro espécimes que havia adotado na Rússia, o que deu origem a outro estágio de expansão dessa raça, agora no continente americano.

Personalidade do cão samoiedo

Cachorro Samoieda na praia

Este tipo de cão possui uma personalidade ativa, alerta e muito expressiva. O Samoieda demonstra bem a amabilidade de uma maneira natural.

Sua alegria e boa disposição são evidentes no brilho de seus olhos e na forma característica de sua boca, que simula um sorriso constante. Por isso, ele se torna irresistível para muitos seres humanos.

Eles têm um temperamento equilibrado e sua inteligência e lealdade lhe deram a reputação de ser um cão trabalhador e prestativo.

É também conhecida como uma das raças com mais autoconfiança no mundo canino. Elas estão cientes de que sua sobrevivência depende em grande medida do desenvolvimento de suas capacidades até o limite.

Ele se relaciona carinhosamente com as crianças, e por isso se torna seu cúmplice e o melhor companheiro de brincadeiras. Além disso ama atividades ao ar livre.

Entretanto, ao descansar, ele anseia pela proximidade de sua família. Por isso, gosta de dormir dentro de casa e dorme muito melhor se estiver perto da cama de seus humanos.

O Samoieda se sente parte da família e os donos devem reforçar esse sentimento. Isso porque, quando esse cão se sente ignorado, pode se tornar uma questão difícil de lidar.

Embora por natureza este cão seja barulhento, é prudente treiná-lo para controlar seus latidos, para evitar que causem situações de desconforto com os vizinhos.

Você também pode se interessar: Acidentes com pets: saiba quais são os mais frequentes

Adestramento adequado para o cão samoieda

Esta linhagem canina requer grandes quantidades de exercício para permanecer mentalmente equilibrada. As caminhadas diárias geralmente não são suficientes, embora sejam úteis para educar e para que adote habilidades de socialização.

O Samoieda precisa de espaço suficiente para correr e drenar a energia que possui. Por isso, é recomendado o adestramento e a prática de esportes caninos que atraiam o interesse dele.

No entanto, este cão tem uma versatilidade sem igual. Dessa forma, recomenda-se ir com um especialista que pode explorar as melhores capacidades inerentes à personalidade do cão.

Trabalhar com essa raça exige dedicação e grande paciência. Entretanto, se trabalhado adequadamente, resultará em fortes laços de afeição e lealdade entre o dono e seu cão.

https://abcnews.go.com/Lifestyle/history-dogs-pets/story?id=41671149

https://es.wikipedia.org/wiki/Samoyedo